Questões na prática

Clínica Médica

Reumatologia

Paciente feminina de 24 anos, com diagnóstico de LES há 6 anos, vinha em tratamento conservador, em uso de Prednisona 5 mg ao dia. A mesma ficou grávida e após 7 meses de gestação iniciou com Hipertensão (150/100), Edema de Membros Inferiores (3+/4), Proteinúria (3+/4). Apresentou crise convulsiva, plaquetopenia (75.000) que diminuíram para 45.000; Aumento de Transaminases e anemia aguda (Hb = 7,0). Evoluiu com piora da função renal. Cr (1,0 -> 4,5) e anúria. Dores articulares importantes e piora do rash malar. C3 e C4 abaixo dos valores normais; Anti-DNA elevado. Baseado neste caso, responda. Qual das medidas abaixo não seria prudente a ser tomada?

A
Interrupção da Gestação, pois a mesma apresenta HELLP Síndrome e Eclâmpsia;
B
Pulsoterapia com Metilprednisolona 1 g - endovenoso - durante 3 dias;
C
Tratamento das artrites com Diclofenaco;
D
Uso de Filtro Protetor Solar e Corticoide Tópico;
E
O Uso de Micofenolato é uma boa opção para esta paciente.
Em litíase urinária de repetição, acometendo paciente com hipercalciúria, você, desejando iniciar alguma forma de prevenção medicamentosa, prescreveria:
Paciente portador de tumor do mediastino com achado laboratorial de alfatetoproteína elevada, o diagnóstico mais provável é:
Recém-nascido higido, com 5 dias de vida, cujo irmão adolescente apresenta quadro clínico-radiológico compatível com tuberculose e baciloscopia 3+/4+, ainda sem tratamento adequado. A criança ainda não recebeu nenhuma vacinação. Com relação ao recém-nascido, qual deve ser a conduta?
É possível realizar a profilaxia da infecção pelo vírus sincicial respiratório, para pacientes de risco, com a administração de:
Compartilhar