Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Reumatologia

Paciente feminina de 25 anos procura auxílio médico por lesões eritematosas fotossensíveis em regiões malares bilateralmente, de quatro meses de evolução. Apresenta também queixa de mal-estar geral e artralgias. Na revisão de sistemas, apresenta perda de cabelo e fenômeno de Raynaud. Ao exame físico, apresenta rash malar poupando o sulco naso-labial e artrite de pequenas articulações de mãos. Traz exames subsidiários, notáveis por anemia normocrômica e normocítica leve, plaquetas de 100.000 por mm³ e um FAN de 1:640 em célula Hep-2, com padrão homogêneo. Com relação a essa paciente, é INCORRETO afirmar:

A
Exames úteis para a avaliação da evolução da doença dessa paciente incluiriam um parcial de urina, creatinina, títulos dos anticorpos anti-DNA de dupla hélice e dosagem de componentes do complemento.
B
Essa paciente deve ser considerada como tendo um fator de risco para a aterosclerose semelhante ao do diabetes mellitus, e seu colesterol deve ser testado e tratado como tal.
C
Antimaláricos reduzem dermatite, artrite e fadiga que acomete esses pacientes. Também tem o potencial de diminuir o risco de crises (flares).
D
A mais provável causa da anemia dessa paciente é hemólise por autoanticorpos, habitualmente responsiva a corticoesteroides. A análise da série branca pode mostrar linfopenia.
E
as manifestações pulmonares dessa doença incluem pleurite, infiltrados pulmonares, lesão intersticial, hemorragia intra-alveolar e síndrome do pulmão que encolhe.
A cirurgia de Sistrunk é utilizada no tratamento de:
Em pacientes cirróticos, a classificação de Child-Pugh é muito utilizada para a avaliação prognóstica pré-operatória da ressecção hepática. O paciente com dosagem sérica de bilirrubina de 1,5 mg/dl, albumina sérica de 4,0 g/dl, tempo de protrombina < 4s sobre o controle, ausência de ascite ou encefalopatia apresenta o seguinte escore de Child-Pugh:
Das cardiopatias congênitas abaixo, assinale a que se manifesta nas primeiras horas de vida:
Paciente de 42 anos chega ao pronto-socorro levado por populares, com relato de três episódios de hemorragia digestiva alta de grande monta na última hora. Ao exame físico, apresenta-se hipocorado +3/4, sudorético, confuso, PA = 80 x 60 mmHg, FC 140 bpm. Em relação a esse paciente podemos afirmar, EXCETO:
Compartilhar