Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Paciente feminina, de 28 anos, relata ter percebido aparecimento de “nodulação no pescoço” há 4 meses, de crescimento progressivo e indolor. Ao se proceder ao exame, delimita-se, pela palpação da tireoide, um nódulo firme , de 3 cm de diâmetro aproximadamente, indolor à palpação. Dado esse quadro, qual exame complementar você escolheria levando em consideração seu maior poder de elucidação diagnóstica, sabendo que o TSH da paciente está normal?

A
Cintilografia de tireoide.
B
Ultassonografia de tireoide.
C
Punção aspirativa com agulha fina.
D
Dosagem de calcitonina e tireoglobulina.
E
Dosagem de T3, T4 e TSH.
Adolescente masculino, 16 anos, procura atendimento por apresentar dor na perna direita há um mês. Relata que a dor é localizada, sempre noturna e desaparece com anti-inflamatórios não hormonais. Informa ainda que não pratica nenhuma atividade física. Exame físico: ausência de sinais flogísticos na perna afetada, mobilidade preservada, radiografia e TC de fêmur: pequena área osteolítica circundada por osso reacional denso. Cintigrafia óssea: presença de áreas hipercaptantes. A hipótese diagnóstica mais provável é:
Paciente do sexo feminino, 70 anos, submetida à colecistectomia por colecistite aguda e evoluindo com fístula biliar de alto débito no terceiro dia de pós-operatório. Suspeita-se de deiscência do coto cístico. Nesse caso, qual a melhor conduta a ser tomada?
Lactente de 8 meses de vida em tratamento para otite média aguda com amoxacilina oral, apresenta uma crise convulsiva em vigência de febre, com duração menor de 15 segundos. Nesse caso, a orientação mais apropriada seria:
Muitos dos Erros Inatos do Metabolismo podem clinicamente apresentar-se inicialmente como:
Compartilhar