Questões na prática

Ortopedia

Paciente masculino 21 anos, é trazido ao pronto-atendimento após impacto em região pré-tibial e tornozelo esquerdo. Ao exame físico da região pré-tibial observa-se: dor e crepitação óssea à palpação e deformidade óssea visível. No exame do tornozelo observa-se: dor, aumento de volume local e acentuada limitação funcional. Não houve possibilidade de verificar a mobilidade para o lado contrário do ligamento pela dor informada. Assinale a alternativa que contém os diagnósticos atribuídos a cada parte afetada e manejo inicial.

A
Contusão da região pré-tibial e tornozelo. O manejo inicial consta de repouso, aplicação de gelo, contenção elástica anti-inflamatório não esteroides.
B
Fraturas em ambas topografias. Fazer exame radiográfico para confirmação diagnóstica e planejar a forma de tratamento da fratura.
C
Entorse de joelho e tornozelo. Analgesia e proteção das articulações.
D
Fratura da tíbia. Obter duas incidências radiográficas (frente e perfil) abrangendo as articulações proximal e distal. Entorse do tornozelo. Confirmar se houve ruptura parcial de ligamento para definir o tipo de imobilização. Manter repouso e aplicação de gelo.
E
Contusão na região pré-tibial e entorse do tornozelo. Repouso, aplicação de gelo, contenção elástico e anti-inflamatório não esteroides.
Os achados laboratoriais típicos da leishmaniose visceral (calazar) são:
Uma paciente de 40 anos, antecedente de uso de anticoncepcional oral, vem ao hospital com dor no hipocôndrio direito (HD). Uma TC de abdome revela um adenoma hepático de 5 cm no lobo D. O tratamento definitivo para essa lesão é:
Pré-escolar de cinco anos é levado a atendimento médico com história de cefaleia, vômitos e alteração do comportamento, caracterizada por irritabilidade e hiperatividade, há dois meses. Exame físico: paciente pouco cooperativo, hiperpneico, FC: 60 bpm, PA: 130X90 mmHg. A hipótese diagnóstica mais provável é:
Em relação ao desconforto respiratório precoce em um recém-nascido prematuro, é correto afirmar que:
Compartilhar