Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Paciente masculino, 35 anos, pedreiro, morador de Curitiba, chega ao pronto-socorro com quadro de cefaleia e mialgias intensas que se iniciaram há 2 dias e estavam piorando progressivamente. No dia da consulta, notou urina escura e coloração amarelada na pele. Familiares referem que o paciente não viaja há mais de 6 meses. Ao exame apresenta-se em regular estado geral, febril, letárgico, com força muscular e tônus muscular preservados, porém havia rigidez de nuca +/4+, icterícia +++/IV, petéquias subconjuntivais, fígado e baço não eram palpáveis. Colhido liquor, este era claro, com 98 leucócitos, sendo 80% de células linfomononucleares. Glicose e proteínas eram normais. Não se observaram bactérias no GRAM; leucograma com 14.500 leucócitos, 20% bastões; 70% de segmentados e 0 (zero) eosinófilo e plaquetas = 74.000; Na+ = 135 mEq/l; K+ = 2,0 mEq/l; creatinina = 5,2 mg/dl; bilirrubina total de 12 mg/dl com 9,0 de direta; AST(TGO) e ALT(TGP) de 100 e 110 UI. Com esses dados, você pode considerar como principal hipótese:

A
Febre Amarela.
B
SIDA com infecção pelo Citomegalovírus.
C
Dengue Visceral.
D
Meningite.
E
Leptospirose.
São fatores anatômicos que predispõem à apneia obstrutiva do sono e hipoventilação todas as possibilidades citadas abaixo, EXCETO:
Sobre Convulsão Febril (CF) são Verdadeiras (V) ou Falsas (F) as afirmativas abaixo: ( ) A história familiar constitui fator de risco tanto para as recorrências das CFs quanto para o desenvolvimento de epilepsia; ( ) Para a maioria dos pacientes o tratamento profilático é dispensável; ( ) Não há consenso sobre a associação entre alterações eletroencefalográficas e risco de epilepsia; ( ) As CFs podem preceder síndromes epilépticas; ( ) A idade da 1ª crise se relaciona a risco de epilepsia. Assinale a alternativa CORRETA:
Marque a alternativa CORRETA que contém patologias que fazem diagnóstico diferencial com as Massas inguinais:
Júnior tem 6 meses, é filho único de D. Sônia (23 anos), foi trazido à consulta de puericultura na UBS pela primeira vez, pois mudou de endereço. Mãe não tem queixas, a criança está em aleitamento materno exclusivo e é saudável, nasceu a termo com peso adequado e vem apresentando seu crescimento dentro das curvas de escore Z entre 0 e +1 para peso e comprimento; o perímetro cefálico dentro do percentil 50. Está com o calendário de vacinas atualizado. Ao exame físico, o estado geral é bom, os marcos do desenvolvimento neuropsicomotor estavam adequados à idade, demais itens do exame físico normais, exceto pela ausência de cicatriz vacinal do BCG (segundo a mãe, nunca formou nenhuma reação no local da vacina). Nesta consulta, a a conduta correta é:
Compartilhar