Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Nefrologia

Paciente masculino, 67anos, hipertenso prévio em uso de Propranolol 80mg/dia e com história de Diabetes Mellitus há 10 anos, em uso de Metformina; Chega à emergência com Quadro de Dispneia, Cansaço, Cianose, Anorexia, Náuseas, Vômitos que iniciaram há 02 semanas e se intensificaram há 01 dia. Relata também que iniciou edema de membros inferiores e face há 03 dias. Apresentava também secreção pulmonar purulenta. Ao exame: MEG, Mucosas descoradas (3+/4), PA(220/140 mmHg), FC(140bpm), CV (RR, 2T, Bnf), Resp (Mv Preservado com estertores bilaterais até o ápice). Edema de Membros Inferiores (3+/4). Exames Laboratoriais: Htc (30) Hb(10) Leucócitos (15.700) Bastões (30%) Segmentados (46) Plaquetas (150.000) Glicemia (600 mg/dl) ; Ureia (560 mg/dl); Creatinina (10mg/dl); K(7,8) Gasometria Arterial: pH(7,05) pO2(60); pCO2 (30); Bic (10); BE(-15); Sat(85%) Parcial Urina com Glicose (+++) Corpos Cetônicos (++) Rx Tórax com congestão pulmonar e foco de consolidação em base direita. Diante do Quadro clínico exposto acima responda a seguinte questão: A Gasometria Arterial Indica o seguinte:

A
Alcalose Metabólica devido a Insuficiência Renal;
B
Alcalose Metabólica devido a compensação Pulmonar
C
Acidose Metabólica devido a Insuficiência Renal e Cetoacidose Diabética
D
Acidose Respiratória devido a Descompensação Pulmonar
E
Alcalose Respiratória devido a Taquipneia
Sobre a persistência do ducto onfalomesentérico podemos afirmar:
Num ambulatório de cirurgia geral são atendidas 5 crianças: I- Menino de 2 meses com hidrocele direita; II- Menino de 18 meses com criptorquidia; III- Menino de 4 meses com fimose; IV- Menina de 5 meses com hérnia inguinal esquerda; V- Menina de 2 meses com hérnia umbilical. Quais os pacientes que já apresentam indicação cirúrgica?
Lactente de 9 meses apresenta-se no pronto atendimento em estado de mal epiléptico (mais de 30 minutos de duração). A despeito do tratamento instituído, persiste a atividade convulsiva e instala-se o estado de mal epiléptico refratário. A droga de escolha a se utilizar neste momento no paciente é:
Vinte e quatro horas após ter recebido as vacinas preconizadas pelo atual calendário básico do Ministério da Saúde para os quatro meses de idade, Ana apresentou crise convulsiva tônico-clônicas generalizadas. Ela já controlava o tônus cervical e apresentava sorriso social, tendo perdido tais marcos de desenvolvimento. Sua gestação e parto não apresentaram intercorrências e ela foi considerada normal até a época dessa ocorrência. Não foi identificado nenhum vínculo epidemiológico com pessoas com doenças febris. A vacina provavelmente relacionada a este efeito adverso grave é a:
Compartilhar