Questões na prática

Clínica Médica

Neurologia

Paciente masculino de 35 anos admitido no PS, deambulando com dificuldade, confuso, sem familiares para relatar sobre medicações, drogas ilícitas e doenças prévias. Na avaliação inicial apresentou Glasgow 13, LCR normal, RX de tórax e tomografia de abdome sem alterações. Sem lesões em pele e sem sinais de emagrecimento. PA 140/80 mmHg, FC 135 bpm, temp. 40,5ºC, FR 20 ipm. Hemograma e PCR normais. Dentre as possíveis causas desse quadro, NÃO é compatível com a clínica do paciente:

A
Uso de metoclopramida por 10 dias, que levou a síndrome neuroléptica maligna;
B
Uso abusivo de Methylenedioxymethamphetamine (MDMA) – "ecstasy";
C
Tentativa de suicídio com dose elevada de Ácido Acetilsalicílico (AAS);
D
Hemorragia cerebral;
E
Uso abusivo de álcool nas últimas horas.
Desde a década passada, a Atenção Integral às Doenças Prevalentes da Infância (AIDPI) revelou-se uma estratégia adequada à disposição dos médicos, com um conjunto básico de intervenções baseadas em evidências científicas que permitem prevenir e tratar eficazmente as principais doenças e problemas que afetam a saúde nos primeiros anos de vida. Acerca dessas evidências, julgue o item. O caso de uma criança que se queixa de dor no ouvido e que, na observação, apresenta secreção purulenta no ouvido e tumefação dolorosa ao toque atrás da orelha deve ser classificado como mastoidite.
Homem de 57 anos, hipertenso e diabético, vem para iniciar acompanhamento em nosso serviço. Há 2 anos apresentou acidente isquêmico cerebral transitório. Exame físico: PA 160 x 100 mmHg, FC 78 bpm, índice de massa corporal (IMC) 35 kg/m², diminuição dos pulsos pediosos bilateralmente; sem outras alterações. Faz uso de nifedipina 40 mg/dia, hidroclorotiazida 25 mg/dia e glibenclamida 10 mg/dia. Exames laboratoriais: HDL 20 mg/dl, LDL 160 mg/dl, triglicerídeos (TG) 160 mg/dl, hemoglobina glicada (HbA1C) 9,1%, creatinina 1,2 mg/dl, potássio 4,0 mEq/l e proteinúria em urina de 24 horas de 1,0 g. Em relação ao tratamento, assinale a alternativa correta.
Homem de 19 anos com diabetes tipo I procurou o pronto-socorro com queda do estado geral, fraqueza e poliúria. Exame físico: hálito cetônico, desidratação +++/4+, respiração de Kussmaul. Exames laboratoriais: glicemia 398 mg/dl, sódio 141 mEq/l, potássio 4,0 mEq/l, cetonúria +++/4+, pH 7,02, pressão parcial de oxigênio 95 mmHg, pressão parcial de CO2 28 mmHg, bicarbonato 13 mEq/l. Assinale a conduta inicial.
Mulher de 58 anos, diabética e hipertensa há 15 anos, apresenta dispneia e sudorese há 1 hora. Exame físico: PA = 150 x 100 mmHg, FC 110 bpm, FR 30 mpm e saturação periférica de oxigênio 89%. Ausculta torácica: bulhas rítmicas e normofonéticas, sem sopros; crepitações finas nos 2/3 inferiores do tórax. Eletrocardiograma: supradesnivelamento do segmento ST nas derivações V1 a V4. Foram realizados oxigenioterapia e administração de ácido acetilsalicílico. Assinale a alternativa que contém a melhor conduta Inicial:
Compartilhar