Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Paciente na 29ª semana de gestação é admitida com diagnóstico de dor abdominal aguda intensa. Ao exame a paciente encontrava-se hipertensa, com hipertonia uterina e taquicardia fetal. O médico observou que a toque a dilatação cervical encontrava-se em 3 cm e realizou amniotomia com saída de líquido amniótico sanguinolento. Em relação a amniotomia pode-se dizer que a conduta foi:

A
errada, pois acentuou o sangramento e possivelmente induziu a sofrimento fetal que poderia culminar com asfixia grave do concepto
B
errada, pois além de expor o feto a processo infeccioso tornou o parto iminente impedindo a administração de tocolíticos e corticosteroides
C
errada, pois possivelmente essa conduta acarretará distúrbios hemodinâmicos e expôs a paciente a risco de fenômenos embólicos
D
correta, pois acelerou o parto numa situação de sofrimento fetal e morte iminente do concepto
E
correta, pois tal conduta reduz o consumo de fatores de coagulação, diminui o sangramento e pode melhorar as condições maternas enquanto aguarda-se o preparo da sala de operações para interrupção imediata da gestação
Assinale a alternativa correta em relação ao tratamento abortivo e preventivo da enxaqueca, respectivamente:
Paciente sofre acidente automobilístico, com queimadura de face e trauma torácico. É atendido em hospital de urgência. Após oito horas do atendimento inicial, a oximetria de pulso marca 80% com dificuldade respiratória. A causa mais provável é:
Dentre os agentes hemostáticos tópicos absorvíveis, utilizados no decorrer de procedimentos cirúrgicos acompanhados de sangramento localizado persistente, o que possui ação bactericida é:
Em paciente portador de insuficiência hepática e ascite, a erosão espontânea da pele, com rotura e saída de líquido, é mais comumente associada à hérnia do tipo:
Compartilhar