Questões na prática

Clínica Médica

Reumatologia

Paciente, oito anos de idade, sexo feminino, apresentou há 2 semanas quadro de febre e astenia, acompanhada de artralgia, em articulações dos joelhos, tornozelos e cotovelos, impedindo os movimentos, houve melhora com sintomáticos. Desde o dia anterior, tem movimentos espontâneos incoordenados, que melhoram no repouso. O diagnóstico mais provável é:

A
AIJ
B
lúpus eritematoso
C
doença reumática
D
síndrome de Guillain Barré
E
meningite bacteriana
Sobre convulsão febril (CF) são verdadeiras (V) ou falsas (F) as afirmativas abaixo: () A história familiar constitui fator de risco tanto para as recorrências das CF quanto para o desenvolvimento de epilepsia; () Para a maioria dos pacientes o tratamento profilático é dispensável; () Não há consenso sobre a associação entre alterações eletroencefalográficas e risco de epilepsia; () As CF podem preceder síndromes epilépticas; () A idade da 1ª crise se relaciona ao risco de epilepsia. Assinale a alternativa correta:
Sobre as doenças orificiais PODEMOS AFIRMAR que:
Dentro das Espondiloartropatias Soronegativas, as uveítes apresentam as seguintes características clínicas:
Homem, 18 anos de idade, queixa-se de cefaleia frontal e dor em hemiface e região periorbital esquerda, iniciada há 10 dias, após resfriado. Faz uso há 04 dias de nimesulida. Mantém obstrução nasal acentuada à esquerda, halitose e febre diária e, há 24 horas, apresenta hiperemia e inchaço no olho esquerdo. Está em bom estado geral, com voz anasalada, temperatura 37,5°C e orofaringe com hiperemia difusa e secreção pós-nasal. Há edema e hiperemia palpebral à esquerda e dor a movimentação do olho esquerdo. Além do repouso, soro fisiológico nasal, manutenção do anti-inflamatório, a conduta, tipo de estudo por imagem dos seios da face e o diagnóstico, são:
Compartilhar