Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Paciente portador de DPOC é avaliado em pronto-atendimento com quadro de exacerbação. Qual das alterações observadas em seu exame indica NECESSIDADE DE INTERNAÇÃO? Referência: GOLDMAN, L.; AUSIELLO, D. Cecil - Tratado de Medicina Interna - 21ª Edição

A
Informações desconexas sobre seus dados pessoais como nome, endereço e ocupação
B
Freqüência respiratória de 28 irpm
C
Edema de membros inferiores
D
Extrassístoles ocasionais
E
Pressão arterial normal
Recém-nascido com 48 horas de vida, idade gestacional de 31 semanas, peso de 1.500 gramas, apresenta três episódios de pausa respiratória, cada um de 20 a 25 segundos de duração. Nestes três episódios, a frequência cardíaca caiu de 140 para 100 bpm, a criança permaneceu sem movimentação e com oximetria de 75 %. Entre os episódios, entretanto, o bebê apresenta atividade normal, frequência respiratória 50 mpm. A dosagem de glicose no sangue é de 50 mg/dl e o cálcio sérico é 8 mg/dl. Os episódios de pausa respiratória da criança são provavelmente por:
Cássio, 20 anos, jogador de vôlei, teve um trauma na mão direita e evoluiu com dor intensa à palpação e mobilização da articulação interfalângica distal do dedo anular, edema moderado e limitação funcional. Feito diagnóstico clinicorradiológico de dedo em martelo, foi indicada cirurgia, devido ao grau de desvio com flexão > 30°. Essa flexão da articulação em questão deve-se à lesão:
No teste do pezinho é feito triagem para fenilcetonúria (PKU). Com relação a essa patologia é correto afirmar:
São considerados distúrbios reativos de conduta na infância:
Compartilhar