Questão de Residência Médica
Paciente, sexo feminino, 61 anos de idade, com história de epigastralgia e perda ponderal de 7kg há 3 meses, tratada desde então com inibidor de bomba de prótons, sem sucesso. Submetida à endoscopia digestiva alta, que evidenciou lesão úlcero-infiltrativa em corpo gástrico distal, na grande curvatura, distando nove centímetros da junção esôfaqo-gástrica e cuja biópsia endoscópica revelou se tratar de adenocarcinoma grau II de Broders. O paciente foi levado à laparotomia exploradora, não se evidenciando implantes peritoneais, invasão a órgãos vizinhos adjacentes ou metástases hepáticas. Observou-se um Iinfonodo aumentado na grande curvatura gástrica, cujo exame de congelação revelou matástase de adenocarcinoma. O lavado peritoneal foi negativo para malignidade (amostra processada no intraoperatório) e amostragem linfonodal do nível 16, também negativo por exame intraoperatório de congelação. A conduta cirúrgica mais correta, conforme as diretrizes brasileiras, é realizar gastrectomia:
Compartilhar

Pratique com mais de 130 mil questões de residência

Apple Store Google Play