Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Qual a conduta imediata preconizada para um paciente que chega à emergência queixando-se de palpitação súbita há 25 minutos, encontrando-se taquicárdico (FC = 200 bpm), dispneico (FR > 30 ipm, presença de estertores em bases), sudorese fria, leve letargia e hipotenso (PA = 70/50 mmHg) com ECG mostrando quadro de Fibrilação Atrial?

A
Desfibrilação imediata com 360 Joules.
B
Cardioversão Elétrica Sincronizada iniciando-se com 100 Joules.
C
Bolus de 150 a 300 mg de Amiodarona EV, seguida de posterior infusão contínua de droga (01 mg/min primeiras 6 horas e 0,5 mg/mn nas 18 horas seguintes).
D
Digitálico EV.
E
Betabloqueador EV (Metoprolol 05mg EV em bollus, podendo-se repetir até dose máxima de 15 mg).
Com relação aos cuidados no pós-operatório, julgue o item que se segue. Na resposta endócrina e metabólica ao trauma, as variações do sódio constituem fator relevante para mediar a intensidade das alterações encontradas.
Um paciente de 55 anos, operado de hérnia inguinal direita, iniciou, no sétimo dia de pós-operatório, quadro de febre associado a drenagem de secreção purulenta pela ferida operatória. Após abertura dos pontos e coleta de material para cultura, o cirurgião iniciou tratamento antibiótico, visando principalmente a cobertura de:
Para a prevenção da síndrome de Wernicke em indivíduos em abstinência de álcool, deve-se administrar a seguinte substância antes da glicose:
Em relação à escarlatina, assinale a alternativa incorreta.
Compartilhar