Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Dermatologia

Para se classificar um paciente como tendo AIDS (ou SIDA - síndrome da imunodeficiência adquirida), ele deve ter o vírus HIV (ou VIH - vírus da imunodeficiência humana) mais uma condição definidora da doença, que pode ser uma infecção oportunista, uma neoplasia maligna ou um exame laboratorial demonstrando severa imunossupressão (CD4 < 200/mm³). Sobre HIV e AIDS, considere as afirmativas a seguir: 1. Entre as principais infecções oportunistas, no nosso meio são comuns: pneumonia por Pneumocystis jirovecii (P. carinii), neurotoxoplasmose, meningite criptocócica e candidíase esofágica. 2. Entre as neoplasias malignas definidoras de AIDS, destacam-se a neurolinfoma, o sarcoma de Kaposi e o carcinoma invasivo de colo uterino. 3. Na síndrome retroviral aguda ou infecção aguda (ou primária) pelo HIV, o exame laboratorial anti-HIV Elisa (ou outro método de screening) pode ser negativo. Nessa situação, o anti-HIV Western-blot é o melhor teste diagnóstico, pois apresenta maior especificidade. 4. Aspergilose disseminada, a principal infecção fúngica invasiva, tem o diagnóstico frequentemente feito através de biópsia de medula óssea. O fluconazol é um dos antifúngicos utilizados para tratamento, pela sua baixa toxicidade. 5. Entre os principais efeitos colaterais dos inibidores de protease (IPs), antirretrovirais muito utilizados, destacam-se anemia, exantema (rash) e hepatotoxicidade. Este último evento adverso está relacionado ao fato de a metabolização dos IPs ocorrer no sistema enzimático hepático citocromo P450. Assinale a alternativa correta:

A
Somente as afirmativas 1, 2 e 3 são verdadeiras.
B
Somente as afirmativas 2, 3 e 4 são verdadeiras.
C
Somente as afirmativas 1, 2 e 5 são verdadeiras.
D
Somente as afirmativas 2 e 4 são verdadeiras.
E
Somente as afirmativas 1 e 2 são verdadeiras.
As indicações de ventilação com pressão positiva durante as manobras de reanimação do recém-nascido na sala de parto são:
Menina de 13 anos de idade ainda não teve menarca e está preocupada em saber se irá crescer mais. Ao exame encontrava-se com estadiamento puberal M3P3. Sabe-se que, com a menarca, o crescimento:
Criança, 4 meses de idade, sexo masculino, cor parda, em consulta de rotina apresentava-se pálida, sem outras alterações. Antecedentes pessoais: parto normal, 36 semanas, peso ao nascimento 2,7 kg, estatura 46 cm. Amamentou no seio materno exclusivo até 2 meses. Peso e estatura percentil 25 para a idade. Solicitando hemograma que evidenciou: Hb = 8,2 g/dl, VCM = 68, HCM = 25, RDW = 23, GB = 9.600/mm³ (segm = 40%, linf = 58%, monócitos = 2%), plaquetas 480.000/mm3. Reticulócitos 1%. Bilirrubina total: 0,9 mg/dl. Saturação de transferrina: 8%. A conduta é:
Adolescente é adequadamente vacinado para hepatite B. O perfil sorológico anti-HBs, anti-HBc e anti-Hbe esperado é, respectivamente:
Compartilhar