Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Parturiente de 38 semanas é avaliada no pronto-atendimento da G.O. pelo acadêmico de medicina do 5º ano, que anota, no prontuário da paciente, as seguintes informações: O feto encontra-se com seu maior eixo concordante com o maior eixo uterino (1) e com sua cabeça próxima da bacia materna (2). Ao toque vaginal, trata-se de uma OEA (3), estando o ápice do pólo cefálico no plano zero de DeLee (4). As frases sublinhadas permitem definir, respectivamente:

A
Situação, apresentação, posição e variedade de posição.
B
Atitude, apresentação, situação e encaixado.
C
Apresentação, atitude, situação e insinuação.
D
Situação, apresentação, variedade de posição, insinuação.
E
Apresentação, situação, variedade de posição e posição.
Em relação ao rastreamento dermatológico, marque a opção correta:
Paciente feminina, 43 anos, diagnóstico recente de hipotireoidismo ainda descompensado, apresenta dor tipo neuropática em hálux e indicador e diminuição da força de pinça. Ao exame físico, apresenta Manobra de Phalen positivo. Qual o diagnóstico?
No tocante à classificação das operações quanto ao grau de contaminação, colecistectomia de urgência por videocirurgia devido colecistite aguda necrotizante; colectomia esquerda eletiva com preparo intestinal apropriado; herniorrafia epigástrica e cirurgia bariátrica mista por vídeo, são classificadas como:
Paciente de 20 anos, feminina, estudante, foi atendida na emergência, após ter sido encontrada sonolenta ao lado de três cartelas vazias de medicamento. Apresentou duas convulsões antes de chegar ao hospital. Ao exame, encontra-se comatosa com Glasgow 7, pupilas midriáticas e fotorreagentes, PA = 70/50 mmHg, frequência cardíaca = 58 bpm, pele quente e seca, hálito etílico e ruídos hidroaéreos abolidos à ausculta abdominal. O ECG mostra QRS alargado e prolongamento do PR. Procedida intubação orotraqueal, lavagem gástrica e administração de carvão ativado. Qual a medicação a ser administrada, considerando a provável classe de fármaco ingerida pela paciente?
Compartilhar