Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Primigrávida de 19 anos de idade, com 37 semanas de gestação, se apresenta na sala de Emergência devido a quadro de início recente de dor progressiva no quadrante superior direito do abdômen, náuseas, vômitos e cefaleia. Antes do início dos sintomas, a gravidez tinha transcorrido sem intercorrências. Nega antecedentes médicos relevantes e afirma ter tomado suplementos vitamínicos, ferro e ácido fólico. O exame físico mostra uma mulher obesa, desidratada com temperatura de 37,6°C, pulso de 110 bpm e PA de 140/95 mmHg. O quadrante superior direito do abdômen está hipersensível à palpação. O útero não está inflamado e nem contraído e os batimentos cardíacos fetais são de 142 bpm. Exames laboratoriais; hematócrito de 32%; série branca de 22.000 leucócitos/ml; plaquetas de 110.000/ml; tempo de protrombina de 14,9 seg (controle 12 seg); ureia de 24 mg/dl; glicemia de 56 mg/dl; creatinina de 1,5 mg/dl; albumina de 3,4 g/dl; bilirrubina de 1,8 mg/dl; fosfatase alcalina de 179 u/l,AST de 238 u/l; ALT de 372 u/l; amilase de 27 u /l, amônia de 90 ug/dl. EAS com leve proteinúria, 3 leucócitos por campo, sem cilindros. Ultrassonografia do abdome superior revela fígado levemente vesícula biliar discretamente dilatada com espessamento da parede, sem cálculos no seu interior.O pâncreas aparenta ser normal. O diagnóstico mais provável é:

A
colecistite aguda
B
esteatose hepática aguda da gravidez
C
pielonefrite aguda
D
pré-eclâmpsia
Tratamento adjuvante com corticosteroides tem sido proposto em algumas formas de tuberculose com discutível benefício na maior parte das vezes. Dentre as abaixo, a opção onde vantagens mais significativas foram descritas é:
O Programa Nacional de Triagem Neonatal, instituído em 2001, no Brasil, pelo Ministério da Saúde, prevê a detecção precoce das seguintes doenças congênitas:
O tumor de Wilms pode estar presente em pacientes com síndromes genéticas. Dentre as alternativas a seguir, assinale a CORRETA:
Criança, nascida de parto normal a termo, apgar de 9 no primeiro minuto e de 10 no quinto minuto, pesando 3.280 g, é encaminhado para o alojamento conjunto, usando LM exclusivo. Na alta, após o segundo dia de vida, o pediatra nota icterícia de esclerótica e face. No prontuário, verifica que a mãe é Rh+, grupo A e o RN é Rh negativo, grupo O. A dosagem de bilirrubinas revelou BI igual a 10% do total. A conduta adequada que o caso requer é:
Compartilhar