Questões na prática

Pediatria

Doenças Respiratórias

Qual das alternativas abaixo não é característica da faringoamigdalite bacteriana (estreptocócica) em crianças?

A
Petéquias em palato.
B
Úvula vermelha e edemaciada.
C
Início agudo com febre elevada.
D
Predomínio em menores de três anos.
E
Presença de cefaleia e/ou dor abdominal.
Roger tem 4 meses, é filho da advogada Luiza, e fica em creche desde os 3 meses. Na avaliação semanal pelo pediatra da creche, ele identifica que Roger está choroso, irritado, esfregando os pés um no outro. Há lesões papulocrostosas no tronco e nos membros e lesões vesicocrostosas nas plantas dos pés. Leilane, cuidadora da creche, tem lesões papulocrostosas e pruriginosas sob as mamas, nas axilas e entre os dedos das mãos. O tratamento recomendado para Roger é com:
Paciente, 52 anos, apresentou dor abdominal aguda, em faixa, no andar superior do abdome, com sinais de irritação peritoneal difusa. À admissão mostrava FC = 120 bpm e PA = 80 x 40 mmHg. Ao exame estava bastante emagrecido, com perda de gordura subcutânea, diminuição do compartimento muscular e com edema bilateral de tornozelos. Segundo seus familiares, o paciente é etilista, pesado crônico. Relatam ainda saciedade precoce e perda excessiva de peso. Não sabem informar mais nada sobre o paciente. A radiografia de tórax estava normal e amilase bastante elevada. Em relação a este caso, marque a alternativa INCORRETA.
Com relação aos cuidados no pós-operatório, julgue o item que se segue. A anemia detectada no pós-operatório de pacientes submetidos a procedimentos de gastrectomia subtotal deve-se à deficiência de vitamina C e à absorção insatisfatória de gordura pelo tubo digestivo.
Paciente de 9 meses de idade, sexo feminino, portadora de Síndrome de Down, com dificuldade de ganho de peso, apresentado pneumopatia de repetição (várias consultas em pronto atendimento com traqueobronquite - sic), dá entrada no PS com FR = 45 mrpm, FC = 167 bpm T = 36,4ºC. Ao exame apresenta-se com tiragem IC baixa, cianose perioral, crepitantes em ambos HT, Hiperfonese de 2º bulha em foco pulmonar, sem sopros. Consultava com médico generalista na cidade de origem e tinha diagnóstico de desnutrição e pneumopatia por ter Síndrome de Down e facilidade de contrair infecções. Ao RX apresentava Infiltrado alveolar bilateral, comprometendo hilos e aumento da área cardíaca. O diagnóstico mais provável e conduta:
Compartilhar