Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Qual das seguintes estratégias comprovadamente reduz a duração do íleo paralítico pós-operatório?

A
Cateter nasogástrico;
B
Deambulação precoce;
C
Anestesia epidural;
D
Alimentação pós-operatória precoce.
Paciente de 40 anos, diabética com disúria e polaciúria há 7 dias evoluiu para febre alta, dor lombar direita e mal estar geral com punho - percussão dolorosa na mesma região. Após internação recebeu cefalotina 2,0 g IV 6/6 hs, hidratação endovenosa e controle dos níveis glicêmicos com insulina. Após 2 dias, persiste com febre alta (39 ºC), piora do hemograma e dores em cólica que acentuaram em sua periodicidade e gravidade. A conduta imediata deve ser:
Homem de 60 anos, ex-pintor, tabagista 40 anos-maço apresenta hematúria intermitente e indolor há uma semana, com coágulos há um dia. A(s) principal(is) hipótese(s) diagnóstica(s) e o(s) exame(s) complementar(es) é(são):
Mulher de 50 anos, assintomática, com antecedente familiar de primeiro grau para câncer de mama, foi submetida à mamografia de rastreamento, na qual foram detectadas microcalcificações pleomórficas, numerosas e agrupadas em quadrante superior externo da mama direita. Para essa paciente, está indicado:
A peritonite primária ou espontânea, pode ocorrer sem uma fonte intra-abdominal óbvia de contaminação. Esta é mais frequente:
Compartilhar