Questões na prática

Clínica Médica

Reumatologia

Qual dos grupos de fármacos ha associação definida ao lúpus eritematoso sistêmico:

A
Clorpromazina, tetraciclina, penicilina
B
Hidralazina, captopril, cimetidina, anticoncepcional oral
C
Metildopa, clortalidona, reserpina
D
Isoniazida, quinidina, procainamida
E
Alopminol, estreptomicina, sais de ouro
Mulher de 48 anos de idade, obesa, procura ambulatório de Clínica Médica, acompanhada da irmã, com queixas de sentir-se cansada, sem ânimo e interesse para suas atividades corriqueiras e sociais, apresentando constante vontade de dormir , sem conseguir concentrar-se nas suas atividades. Seu peso aumentou de 75 para 82 kg em um mês. A irmã relata que a paciente "está fazendo as coisas de maneira lenta", passa os dias em um quarto escuro e verbalizou vontade de morrer. Exame físico: IMC = 31 kg/m (valor de referência < 25 Kg/m ), sem outras alterações. A paciente tem histórico de arritmia cardíaca. Avaliação recente de função tiroideana revelou resultados normais para TSH, T3 e T4. No caso descrito acima, qual a conduta terapêutica mais adequada?
Durante uma crise de glaucoma agudo, de ângulo fechado, é contraindicado o uso da seguinte medicação:
Quanto à indicação de medicamentos na reanimação em sala de parto, pode-se afirmar que?
Um homem de 65 anos de idade, hipertenso, tabagista, portador de fibrilação atrial crônica, refere forte dor abdominal periumbilical e vômitos há 10 horas. A dor foi aumentando progressivamente. Está afebril, com perfusão periférica ruim, apresentando livedo reticular em membros inferiores. Pulso: 110 bpm; PA: 90 × 50 mmHg. Abdome pouco distendido, sem sinais de peritonismo nem massas palpáveis. Principal hipótese diagnóstica e conduta:
Compartilhar