Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Cardiopediatria

Quanto à cetoacidose, marque a alternativa correta.

A
No diabetes tipo 1, no estágio de resistência à insulina, a administração de insulina é necessária para prevenir cetoacidose.
B
A cetoacidose tem como principais fatores precipitantes: infecção, omissão da aplicação de insulina, abuso alimentar, uso de medicações hiperglicemiantes e ocorrências graves, como AVC, infarto ou trauma.
C
A cetoacidose manifesta-se com sintomas neuroglicopênicos, como fome, tontura, fraqueza, dor de cabeça, confusão, podendo levar à coma e convulsão.
D
No diabetes tipo 2, a cetoacidose é comum, pois a deficiência de insulina é relativa.
E
A cetoacidose antecede a cetose e pode ser manejada em casa, desde que o paciente esteja habituado com o automonitoramento da glicemia.
Uma mulher jovem com história de asma relata sintomas quase diários, que ocorrem mais frequentemente à noite. Seu tratamento consiste em agonista beta-adrenérgico inalatório de curta duração, durante as crises. A paciente está tentando engravidar. Qual a melhor opção terapêutica a acrescentar para a paciente?
Assinale o segundo tumor hepático benigno mais frequente.
Qual das alternativas abaixo não é característica da faringoamigdalite bacteriana (estreptocócica) em crianças?
Um lactente sadio, de quatro meses de idade, chega a um posto de saúde para atualizar seu calendário de vacinas. O mesmo recebeu apenas uma dose da vacina BCG e uma dose da vacina contra Hepatite B, ao nascer. De acordo com o calendário do Programa Nacional de Imunizações (PNI), que vacinas devem ser administradas a esse lactente neste momento?
Compartilhar