Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Cardiologia

Hepatologia

Quanto ao uso do TIPS, é CORRETO:

A
Não se indica o TIPS na proximidade do transplante hepático.
B
A contra-indicação clássica é a descompensação hepática funcional avançada.
C
Seu maior benefÍcio é a insuficiência cardíaca direita e doença hepática policística.
D
É criado um trajeto intra-parenquimatoso entre veia supra hepática e a porta.
No tocante à classificação das operações quanto ao grau de contaminação, colecistectomia de urgência por videocirurgia devido colecistite aguda necrotizante; colectomia esquerda eletiva com preparo intestinal apropriado; herniorrafia epigástrica e cirurgia bariátrica mista por vídeo, são classificadas como:
Paciente de 20 anos, feminina, estudante, foi atendida na emergência, após ter sido encontrada sonolenta ao lado de três cartelas vazias de medicamento. Apresentou duas convulsões antes de chegar ao hospital. Ao exame, encontra-se comatosa com Glasgow 7, pupilas midriáticas e fotorreagentes, PA = 70/50 mmHg, frequência cardíaca = 58 bpm, pele quente e seca, hálito etílico e ruídos hidroaéreos abolidos à ausculta abdominal. O ECG mostra QRS alargado e prolongamento do PR. Procedida intubação orotraqueal, lavagem gástrica e administração de carvão ativado. Qual a medicação a ser administrada, considerando a provável classe de fármaco ingerida pela paciente?
Adolescente de 14 anos, goleiro do time de sua escola, queixa-se de dor na região anterior do joelho esquerdo, que piora com a dígito-pressão e na subida e descida de rampas. Exame físico: aumento do volume local com tumefação do tubérculo tibial anterior. Radiografia simples de perfil: irregularidade e presença de ossículo junto à tuberosidade anterior da tíbia. A principal hipótese diagnóstica é:
A vacina contra o Haemophilus influenzae tipo B
Compartilhar