Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

Recém-nascido a termo, sem fator de risco identificado à anamnese perinatal, nasceu hipoativo, com hiporreflexia e frequência cardíaca de 120 bpm. Sem sinais de cianose central, apresentava-se, porém, em apneia. O índice de APGAR foi 5 no primeiro minuto. Inicialmente, foi feita estimulação tátil, enquanto a boca e as narinas eram aspiradas. Em seguida, procedeu-se a ventilação com pressão positiva e oxigênio no sistema de balão autoinflável e máscara. Após 30 segundos, a criança continuava sem resposta, mantendo-se com boa frequência cardíaca e rosada. A ventilação foi mantida por mais 30 segundos, porém a apneia persistia, e houve queda da frequência cardíaca (90 bpm). A mãe recebera mepivacaína e fentanil na anestesia peridural. Com base nestes dados, a conduta mais adequada é administrar, por via intravenosa:

A
Adrenalina 1:10.000 na dose de 0,1 ml/kg.
B
Albumina na dose de 20 ml/kg.
C
Bicarbonato de sódio molar na dose de 2 mEq/kg.
D
Naloxona (0,4mg/ml) na dose de 0,1 mg/kg.
E
Solução de ringer lactato na dose de 10 ml/kg.
Dentre as causas possíveis de estado confusional agudo em idosos, qual das opções abaixo é a menos provável?
<P>Paciente de 75 anos é submetido à herniorrafia inguinal direta. Assinale a alternativa incorreta.</P>
Com relação ao comportamento clínico e patogenético da paracoccidioidomicose, é ERRADO afirmar:
Em relação ao tratamento do adenocarcinoma gástrico podemos afirmar que:
Compartilhar