Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

Recém-nascido, de parto vaginal, 36 semanas e 5 dias de idade gestacional, Apgar 1’ - 9; Apgar 5’ - 10, do sexo masculino. Teve uma gestação normal e seu exame físico também é normal. A mãe tem grupo sanguíneo A e Rh positivo; o bebê tem grupo sanguíneo O e Rh negativo. É a primeira gestação, alimentando-se normalmente com leite materno. Com 40 horas de vida, apresenta icterícia até o umbigo. Para o caso, considere falsa (F) ou verdadeira (V) cada uma das afirmativas abaixo. ( ) O RN apresenta icterícia precoce e por isso, provavelmente, trata-se de uma icterícia patológica e potencialmente grave. ( ) A probabilidade da icterícia ser devida à incompatibilidade sanguínea maternofetal é muito elevada. ( ) Diante dos dados apresentados a probabilidade maior é de que se trate de uma icterícia fisiológica. ( ) A icterícia que atinge a região do umbigo, tendo em vista o fator de o RN ter menos de 48 horas de vida, é indicativa de exsanguineo-tarnsfusão. ( ) A conduta adequada para o caso será estabelecida após a realização de uma determinação, pelo menos, da bilirrubina total. Então, assinale a combinação certa.

Analise os itens abaixo, sobre as causas de convulsão em crianças e bebês, e marque (V) para Verdadeiro ou (F) para Falso: I. A causa mais comum, nos bebês, é o aumento da temperatura que acompanha uma infecção viral. II. A Epilepsia Benigna na Infância é caracterizada por convulsões epilépticas parciais, principalmente ocorrendo durante o período de sono da criança, envolvendo contorções corporais, boca torta, rosto e voz alteradas com gemidos, podendo afetar alguns órgãos. III. A febre causada por pneumonia é a que produz mais convulsões. Está(ão) CORRETO(S):
Lesões de bexiga extraperitoneais causadas por traumatismos abdominais fechados de bacia, sem outras lesões abdominais associadas, são idealmente tratadas:
A hérnia de Spiegel:
Na doença de Legg-Perthes ocorre:
Compartilhar