Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Referindo-se ao tratamento da Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), indica-se oxigenoterapia contínua domiciliar quando o paciente tiver:

A
Dispneia de repouso
B
Cianose
C
PaO2 < 55 mmHg ou SatHb 02 < 88%
D
PaCO2 > 40 mmHg
E
Incapacidade para qualquer tipo de atividade física
Para a prevenção de trombose venosa profunda e TEP é recomendado:
No paciente politraumatizado, que ao ser atendido no serviço de emergência apresenta trauma torácico com escoriações e equimoses extensas no HTE, evidência de fraturas de arcos costais ao exame e ausência de MV neste lado, cianose, sudorese, palidez e dispneia intensa, qual a conduta apropriada?
Com relação ao linfoma gástrico primário, é correto afirmar:
Criança com 2 anos e cinco meses chega ao Pronto-Socorro de Pediatria. Mãe relata que há 15 dias iniciou com tosse e coriza hialina. Há 3 dias iniciou com febre e piora da tosse, que se intensificava à noite. Refere também obstrução nasal e crostas em narinas pela manhã. Ao exame a criança mantinha-se em bom estado geral, eupneica com ausculta pulmonar normal. Oroscopia mostrava discreta hiperemia de orofaringe e gotejamento retronasal de secreção amarelada. Mãe negava passado de asma. Peso: 13kg. Qual a conduta mais adequada?
Compartilhar