Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia do Trauma

Rogério,12 anos, foi vítima de atropelamento, tendo sofrido trauma torácico. Posteriormente, observou-se a “Tríade de Beck” (turgência jugular, queda da pressão arterial e abafamento de bulhas cardíacas), caracterizando um quadro de:

A
Tamponamento cardíaco
B
Fratura de costelas
C
Ruptura traumática de aorta
D
Contusão pulmonar
Na questão a seguir, encontram-se afirmações sobre o tema proposto. Teste seu conhecimento escolhendo a alternativa que contenha 3 afirmações verdadeiras. Tema: Com relação à vacinação na infância. I- a vacina BCG protege contra as formas graves de infecções causadas pelo bacilo da tuberculose. II- infecções pelo rotavírus devem ser prevenidas com três doses da vacina monovalente humana. III- ao completar cinco anos de idade a criança deverá ter recebido cinco doses de vacina tríplice bacteriana. IV- a vacina pneumocócica 7-valente é preconizada para crianças maiores de 5 anos. V- em crianças com mais de cinco anos de idade deve-se aplicar a vacina contra o Haemophilus influenzae apenas nos casos em que existam fatores de risco conhecidos para a doença invasiva. VI- em crianças menores de 2 anos é recomendada a aplicação de 2 doses da vacina contra a febre amarela, com reforço a cada 10 anos. VII - a vacina dupla tipo infantil contem menores quantidades de toxóide diftérico que a dupla tipo adulto. VIII - crianças em tratamento com corticosteróides em doses elevados e por tempo prolongado não podem receber vacinas de vírus vivo. A alternativa que contém três afirmações corretas é:
Quanto ao estado de mal epiléptico em pediatria, assinale a alternativa CORRETA:
Mulher, 25 anos, magra, em autoexame percebe pequeno nódulo no pescoço, de localização anterior, móvel à deglutição, ao falar e à palpação. Qual é a principal hipótese diagnóstica inicial?
Um lactente de 4 meses de idade, em curso de febre há 3 dias de etiologia desconhecida, evolui para crises tônico-clônicas generalizadas em vigência da febre. Tendo em vista a idade do paciente, a ausência do diagnóstico etiológico e o quadro convulsivo, podemos afirmar:
Compartilhar