Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

São complicações comuns à placenta prévia, exceto:

A
rotura do seio marginal
B
acretismo placentário
C
prenhez cervical e corioamnionite
D
âmnio nodoso
E
Nenhuma das alternativas anteriores
Augusto, 34 anos, chega à Unidade Básica de Saúde queixando-se de estar “alterado” há 08 meses. Conta que evita contato com as pessoas, sente-se totalmente desestimulado no trabalho e percebe perda das emoções e do prazer, além de déficit de atenção e dificuldade para responder perguntas. Declara que os colegas do trabalho querem ocupar seu cargo na empresa e, por isso, fazem piadas e comentários, às escondidas, da sua situação, o que o deixa mais isolado. Nítido descuido da aparência pessoal. Assinale o diagnóstico mais provável:
Escolar de 10 anos de idade, com história de tosse arrastada há mais de 3 semanas, acompanhada de cefaleia e mal-estar, além de rouquidão. Mãe não sabe afirmar se houve febre. Ao exame físico foi notado sibilância. O irmão de 14 anos apresentou quadro semelhante há 4 semanas atrás, fez uso de amoxicilina, porém sem resposta. Em relação ao quadro acima, qual seria a principal hipótese diagnóstica?
São indicações para instalação de acesso venoso central, EXCETO:
Recém-nascido do sexo feminino apresentando fissuras palpebrais curtas, implantação baixa de orelhas, mandíbula pequena, esterno curto, pés em mata borrão e dedos sobrepostos com punhos cerrados, foi avaliado e a suspeita diagnóstica é de Síndrome de Edwards (trissomia do 18). A cardiopatia congênita mais comumente associada a esta síndrome é:
Compartilhar