Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

São contraindicações para o aleitamento materno:

A
infecção materna pelo vírus da hepatite B e citomegalovírus.
B
infecção materna pelo HIV e HTLV I/II.
C
presença de lesões herpéticas ativas nas mamas e infecção materna pelo vírus da hepatite C.
D
tuberculose ativa e uso de haloperidol para tratamento de esquizofrenia.
Homem de 29 anos de idade, com história de etilismo pesado, foi trazido pela família ao pronto-socorro porque estava muito sonolento e agitado há 2 dias. Ao exame, o paciente alternava agitação psicomotora com sonolência; estava desorientado; desatento; taquicárdico (102 bpm) e apresentava sudorese; tremores de mãos; PA: 150 x 105 mmHg. Após instituir hidratação intravenosa e iniciar investigação da causa do quadro de delirium, qual é o medicamento prioritário neste caso?
Mulher, 45a, obesa, refere dor no pé há 4 meses com piora progressiva. No momento apresenta dificuldade para caminhar, principalmente no período da manhã quando acorda. Parou de fazer caminhadas devido à dor. Exame físico: dor à palpação da face medial do calcanhar. O DIAGNÓSTICO E A CONDUTA SÃO:
ID: Mulher, 58 anos de idade, portadora de fibrilação atrial diagnosticada há dois anos, HMA: iniciou há 8 horas com dor, frialdade e cianose fixa no pé esquerdo. Nega história prévia de claudicação intermitente em membros inferiores (MMIIs). EF: não apresenta os pulsos distais palpáveis no MIE e o exame do MID encontra-se normal, com todos os pulsos palpáveis. INR= 1,8. A conduta imediata mais apropriada é:
R.S.A., 38 anos, costureira há 19 anos, apresenta sintomas de formigamento dos três primeiros quirodáctilos das mãos, mais intenso à direita; dor no punho com irradiação para cotovelo e fraqueza nos braços. Relata que, frequentemente, acorda à noite com dor e sente dificuldade para pentear o cabelo. Este quadro representa a compressão do nervo:
Compartilhar