Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Pediatria

Ginecologia

São fatores de risco para câncer de endométrio, EXCETO:

A
menopausa tardia, idade maior de 60 anos.
B
multiparidade, terapia hormonal com estrogênio e progestágenos.
C
anovulação crônica, diabete mellitus.
D
hiperplasia endometrial atípica, obesidade.
E
nuliparidade, síndrome de ovários policísticos.
<p>Paciente masculino, 30 anos, submetido à apendicectomia por apendicite aguda perfurada com abscesso pélvico por via laparotômica há 15 dias. Recebeu alta no quinto dia pós-operatório. Há 4 dias vem apresentando febre de 38,9ºC e abaulamento da ferida, com hiperemia. A ultrassonografia do abdome mostra edema e espessamento da parede no local da incisão de McBurney com ar no subcutâneo. Assinale a alternativa que apresenta o diagnóstico mais provável e a conduta recomendada: </p>
Menino, 4 anos, foi internado no serviço de emergência pediátrica com diagnóstico de pneumonia e empiema pleural. O agente etiológico isolado na hemocultura foi o Streptococcus pneumoniae. No 5º dia de internação, apresentou ao exame físico: FC = 160 bpm; PA = 80 x 50 mmHg (PA sistólica = 60 mmHg durante a inspiração); T = 38,7ºC. Veias jugulares estavam ingurgitadas, as bulhas cardíacas praticamente inaudíveis, o murmúrio vesicular audível bilateralmente, mas diminuído nas bases, presença de estertores crepitantes nas bases, submacicez à percussão das bases. O fígado estava palpável a 6 cm da reborda costal direita, consistência aumentada. As extremidades estavam frias e a perfusão periférica era diminuída. Qual das hipóteses abaixo explica a presença desses dados clínicos?
Um paciente 75 anos, masculino, hipertenso severo, controlado com medicação, insuficiência renal crônica não dialítica procura o pronto-socorro com dor abdominal, distensão abdominal, vômitos. É realizado rx do abdome agudo que evidencia quadro de obstrução intestinal. O paciente é levado à laparotomia exploradora, onde é encontrada neoplasia obstrutiva em cólon direito. Qual a conduta mais apropriada?
Qual o diagnóstico mais provável e qual o exame complementar mais indicado no seguinte caso: Adolescente do sexo feminino, com história de febre e dor articular há 1 semana. Usou sulfametoxazol-trimetropim por 5 dias para tratar uma faringite aguda há 1 mês. Ao exame físico apresenta-se em bom estado geral, temperatura axilar de 38,5ºC, frequência cardíaca de 124 bpm, frequência respiratória de 22 rpm. Exantema macular, não pruriginoso, com círculo eritematoso circundando a pele normal. Ausculta cardíaca com bulhas rítmicas, normofonéticas, ausência de sopros. Joelho e tornozelo esquerdos com aumento de temperatura, volume e dor à movimentação ativa e passiva.
Compartilhar