Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Um paciente de 49 anos de idade que relata poliúria, polidipsia e perda de peso inexplicável nos últimos meses, procura avaliação médica para alívio dos sintomas. Na história clínica, refere ser filho de pais diabéticos e ter padrão alimentar inadequado (horários irregulares e ingestão de alimentos hipercalóricos). Ao exame físico evidenciado: peso 128 Kg e altura 170 cm. Presença de acantose nigrans cervical. Circunferência abdominal 130 cm. PA: 140 x 100 mmHg. Exames complementares: glicose plasmática de jejum 150 mg/dl e glicose plasmática pós-prandial (2h) 200 mg/dl. Com base nessa situação hipotética, assinale a alternativa correta.

A
O tratamento inicial deve constar de orientações para perda de peso e início de metformina.
B
O tratamento da hiperglicemia pós-prandial, neste caso, não influencia na prevenção das complicações macro e microvasculares do diabetes.
C
A metformina pode gerar acidose lática e efeitos cardíacos adversos como aumento do risco de infarto do miocárdio.
D
Estudos mostram que a redução da pressão arterial nesses pacientes, não reduz as complicações cardiovasculares.
E
O objetivo primário para LDL-c nesse paciente deve ser < 130mg/dl, conforme as diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes.
As fraturas expostas associadas à lesão vascular são classificadas como tipo III c de Gustillo. Nessas fraturas, a lesão vascular está frequentemente associada a perdas ósseas, a falta de cobertura das partes moles e também a lesões neurológicas. Com relação à abordagem terapêutica dessas fraturas, é correto afirmar:
Paciente gestante 36 semanas, dá entrada na unidade de emergência com quadro de convulsões, hipertensão arterial e edema periférico intenso. Sem história de uso de drogas no pré-natal. A melhor conduta terapêutica é:
Paulo Sérgio, 19 anos, interna-se com dor de forte intensidade em membros inferiores e na região dorsal, que não melhoraram com o uso de dipirona oral. Exame físico: febre (38ºC), FC 110 bpm, PA 120 x 70 mmHg, hipocorado (++/4+), ictérico (++/4+). Aparelho cardiovascular e respiratório sem alterações. História de anemia diagnosticada aos 6 anos; no último ano foi internado em quatro ocasiões com quadro semelhante. Eletroforese de hemoglobina: HbS 97%, HbF 3%, HbA 0%. A terapêutica transfusional está indicada quando ocorre:
Heloísa, 24 anos, gesta III, para 0, aborto II (duas perdas fetais no 2º trimestre), atualmente na 34ª semana de gestação, procura a emergência com cólica, dores em membros inferiores e perda líquida há duas horas, sem sangramento. No exame obstétrico inicial, observa-se líquido amniótico claro e sem grumos saindo pela vagina. Nos membros inferiores nota-se trombose venosa profunda (TVP). O exame adequado para confirmar TVP é:
Compartilhar