Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

S.N.M., 17 anos, GIPO, com feto único, vivo, com 35 semanas e 4 dias, foi internada no Hospital Universitário com pressão arterial 170 X 120 mmHg, após apresentar crise convulsiva tonicoclônica generalizada. Após realização de exames laboratoriais, observou-se plaquetas 55.000, TGO 214 UI, TGO 232 UI, DHL: 998 UI; Bilirrubina total: 7,3, Bilirrubina direta: 3,2; Bilirrubina indireta: 4,1. Na condução deste caso, a melhor alternativa é:

A
Acelerar a maturidade pulmonar com Dexametasona 4 mg/ml, 1,5 ml, IM de 12 em 12h, por dois dias.
B
Acelerar a maturidade pulmonar com Betametasona 3 mg/ml, 2,0 IM de 12 em 12h, por dois dias.
C
Acelerar a maturidade pulmonar com Hidrocortisona 500 mg, IM de 12 em 12h, por dois dias.
D
Iniciar metildopa, 500 mg, VO de 6 em 6 horas.
E
Interromper a gestação.
Com relação à hiperplasia endometrial, não está correto afirmar:
Uma das alternativas abaixo não é considerada como causa de Puberdade Precoce Periférica. Assinale-a.
Em relação ao Herpes Zóster, é incorreto afirmar que:
Um lactente de 2 meses é trazido por sua mãe para consulta de puericultura. Ele está bem e você verifica que as imunizações estão em dia, segundo o Programa Nacional de Imunizações. Que outra vacina deve ser sugerida para o lactente, seguindo as recomendações da Sociedade Brasileira de Pediatria (2008)?
Compartilhar