Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Sobre a angiodisplasia do I. Grosso, é correto afirmar, exceto:

A
Não se trata de uma ectasia vascular congênita
B
A maioria das lesões ocorre no cólon transverso e descendente
C
A existência de uma angiodisplasia no ceco não fecha diagnóstico indicando que esta seja a causa do sangramento intestinal
D
Em aproximadamente 23% dos pacientes submetidos a colectomia por sangramento atribuído à lesão colônica, são identificadas lesões em Intestino delgado
E
O diagnóstico é dado pela colonoscopia que permite a terapêutica em caso de sangramento demonstrado
Mulher de 55 anos foi submetida à tireoidectomia total devido a carcinoma papilífero. Após um mês da cirurgia, a voz da paciente ficou grossa e baixa. A videolaringoscopia realizada após a cirurgia evidenciou edema de Reinke e mobilidade das cordas vocais normais. Nesse caso, a causa menos associada à atual condição dessa paciente é:
Paciente do sexo masculino, 64 anos, raça negra, canhoto, 110kg, diabético e hipertenso, com perda progressiva da função renal. No momento possui clearence de creatinina de 15ml/min, mantendo-se este, em queda. Paciente possui todas as veias dos membros superiores pérveas e de bom calibre, assim como pulsos amplos e cheios ao exame físico dos membros superiores. A ecografia vascular confirmou tais informações. O acesso de eleição para confecção da fístula neste paciente é:
Paciente apresentou hemorragia digestiva alta limitada, sem repercussões hemodinâmicas. Ele possui história pregressa de DRGE e correção de aneurisma de aorta abdominal realizada há um ano. EDA mostrou evidência de sangramento não ativo em quarta porção duodenal. Nesse caso, o diagnóstico mais provável é de:
Com relação aos quadros de Insuficiência Venosa Crônica de Membros, assinale a alternativa correta:
Compartilhar