Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

Doenças Respiratórias

Sobre distúrbios respiratórios do período neonatal, está INCORRETO afirmar que:

A
o quadro clínico da doença respiratória neonatal é o mesmo, independentemente da etiologia. Para diagnóstico etiológico correto, são necessários história da gestação e do parto, dados do nascimento do recém-nascido (RN) e exame radiológico do tórax.
B
o achado radiológico típico de doença da membrana hialina consiste na presença de micronodulações em padrão de vidro moído, disseminadas pelos pulmões e broncograma aéreo.
C
o surfactante tem sido usado no tratamento de doença da membrana hialina. Quanto mais precoce for o uso do surfactante exógeno, melhor será a resposta.
D
a taquipneia transitória do RN diferencia-se da doença da membrana hialina por iniciar logo após o nascimento e pela necessidade de oxigênio inspirado não ultrapassar a 50%.
E
a gasometria arterial é importante para auxílio no diagnóstico da síndrome de aspiração de mecônio, pois a hipoxemia e a acidose graves indicam hipertensão pulmonar.
Você irá apresentar um seminário durante o seu primeiro mês de Residência. O objetivo é rever conceitos básicos e fundamentais para o adequado planejamento terapêutico das pessoas sob seus cuidados. O tema central é o sistema digestório. Você afirma que o H. pylori está implicado na facilitação da hiper-secreção de ácido clorídrico através do mecanismo de:
Um dos principais exames para o diagnóstico da acalasia é a manometria esofágica. Qual das alterações abaixo NÃO corresponde a um critério manométrico comumente encontrado nessa situação?
No Ocidente, cerca de 90% dos casos de hepatocarcinoma incide em pacientes portadores de doença hepática crônica. Qual das patologias abaixo apresenta o MAIOR RISCO para o desenvolvimento de hepatocarcinoma?
Com relação ao diagnóstico e tratamento da apendicite aguda, pode-se afirmar, EXCETO:
Compartilhar