Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Endocrinologia

Hematologia

Sobre doenças que acometem o esôfago, assinale a correta.

A
A síndrome de Plummer-Vinson refere-se ao desenvolvimento de disfagia cervical em pacientes com anemia crônica de ferro.
B
Membranas esofágicas congênitas são lesões frequentes que se apresentam com regurgitação durante a infância.
C
Uma causa fisiológica para a queixa de disfagia cervical, globo histérico, é um diagnóstico que se deve pensar em primeiro lugar nas disfunções crico-faríngeas.
D
A acalásia é a disfunção mais comum do esôfago cervical.
E
A lesão cáustica também resulta em esfíncter esofágico inferior (EEI) hipertenso com refluxo prolongado do esôfago distal.
Paciente 37 anos, gestante com 36 semanas, procurou o serviço de emergência com queixa de tremor de extremidades, diarreia e intolerância ao calor. Ao exame físico, encontramos bócio, exoftalmia e taquicardia. A melhor conduta será:
A restrição de crescimento intrauterino (CIUR) pode estar associada a diversos resultados adversos gestacionais e perinatais. Sobre o CIUR é correto afirmar:
Paciente com diagnóstico de Lúpus eritematoso sistêmico, na 29ª semana de gestação ao realizar ecocardiografia fetal, recebe o diagnóstico de bloqueio atrioventricular fetal. Os anticorpos geralmente associados a essa complicação são os mesmos associados a:
Julgue as situações clínicas apresentadas nos itens subsequentes de acordo com o Programa de Atenção às Doenças Prevalentes na Infância do Ministério da Saúde do Brasil. I. Uma criança com 4 anos de idade, febre e tosse há 3 dias, frequência respiratória de 50 irm, sem tiragem intercostal, sem estridor ou sibilância não deve ter o diagnóstico de pneumonia. II. Uma criança agudamente doente, que consegue mamar no peito da mãe ou beber líquido em um recipiente, que não está vomitando e não apresenta história de convulsões não apresenta sinais gerais de perigo. III. O diagnóstico mais provável de um pré-escolar com queixa de dor e secreção purulenta visível em orelha esquerda há 5 dias é infecção aguda do ouvido. IV. Considere que uma lactente com 2 anos de idade, procedente da periferia de Brasília, seja apresentada na emergência de um hospital com relato de estar com febre há 2 dias, vomitar tudo o que ingere e não ingerir líquidos, e que, no exame físico, apresente rigidez de nuca e petéquias distribuídas pelo corpo. Nessa situação, o diagnóstico mais provável é doença febril. V. O diagnóstico de uma criança com 1 ano de idade, diarreia há 14 dias e sangue nas fezes é desidratação grave. Estão certos apenas os itens:
Compartilhar