Questões na prática

Clínica Médica

Neurologia

Sobre isquemia e hemorragia cerebral, considere as seguintes afirmativas: 1. Não há achados clínicos específicos para distinção entre AVE hemorrágico ou isquêmico, no entanto sinais transitórios sugerem isquemia. 2. A zona de penumbra é a responsável, nos casos isquêmicos, pela melhora dos déficits. 3. A isquemia, diferente da hemorragia cerebral, é acompanhada de zona de penumbra. 4. Os déficits transitórios não apresentam alteração na neuroimagem se menores que 3 horas. Assinale a alternativa correta.

A
Somente a afirmativa 1 é verdadeira.
B
Somente as afirmativas 1 e 2 são verdadeiras.
C
Somente as afirmativas 3 e 4 são verdadeiras.
D
Somente as afirmativas 1, 2 e 4 são verdadeiras.
E
As afirmativas 1, 2, 3 e 4 são verdadeiras.
A causa mais comum da hematúria glomerular é:
Na doença de Pott, o segmento da coluna mais comumente envolvido é:
Homem de 67 anos, tabagista de longa data, passou a apresentar, há menos de 1 ano, hipertensão arterial sistêmica. Na última consulta, há 5 anos, estava normotenso e os exames mostravam dislipidemia. Há poucos meses, começou a fazer uso de estatinas e adotou um programa de exercícios, que vem cumprindo parcialmente. Na investigação atual, o potássio sérico é de 3,5 mEq/L, o EQU está normal e a ultrassonografia abdominal mostra rim esquerdo com 8 cm (polo a polo) e rim direito com 14 cm. Qual a causa mais provável da hipertensão arterial?
A fase inicial do coma de um paciente caracterizou-se por abalos musculares, mordedura da língua, incontinência urinária e respiração laboriosa. Com base nestes achados, qual a hipótese diagnóstica mais provável?
Compartilhar