Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Todas as drogas abaixo podem ser utilizadas no tratamento da giardíase, EXCETO:

A
pirimetamina.
B
tinidazol.
C
nitazoxanida.
D
metronidazol.
E
furazolidona.
A avaliação inicial do politraumatizado protocolada determina o sucesso do atendimento do paciente gravemente acometido. Podemos afirmar que são causas com risco imediato de morte na avaliação das lesões torácicas:
Cynara, 30 anos, gesta II para I, hipertensa e diabética tipo I. Está na 8ª semana de gestação e apresenta sangramento de pequena quantidade e cólicas discretas há 3 dias, que cessaram hoje cedo pela manhã. A ultrassonografia realizada há 2 semanas evidenciou gestação tópica com embrião de 6 semanas e batimentos cardíacos presentes. Ao exame especular apresenta sangramento vaginal muito discreto e, ao toque, útero aumentado de tamanho (+/- 10cm) e colo fechado. Na primeira gestação, Cynara teve parto prematuro na 31ª semana de gravidez e traz o relatório da internação daquela ocasião. Há referência a uma medicação utilizada na tocólise, sendo considerada a possibilidade de associação do uso desse fármaco ao desfecho da gravidez. A provável medicação é:
Em relação à insuficiência Renal Aguda NÃO podemos afirmar:
Homem de 77 anos chega ao pronto-socorro com dor e distensão abdominal há 3 dias e vômitos há um dia. Exame físico: desidratado, descorado, eupneico, afebril, pulmões livres, abdome distendido, com dor a palpação profunda difusamente, sem descompressão brusca dolorosa, ruídos hidroaéreos aumentados. Toque retal com ampola ampla e sem lesões ou fezes palpáveis. RX de abdome: grande distensão de cólon. Hemograma: 15.000 leucócitos e 5% de bastonetes. A conduta é:
Compartilhar