Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia do Trauma

Cirurgia Geral

Um homem, 62 anos, sofre trauma abdominal contuso e tem laparotomia de urgência indicada. Nesta é realizada esplenectomia e nota-se contusão da cauda pancreática. O paciente é mantido com dreno abdominal pós-operatório, com drenagem diária de 300 ml/dia. A dosagem desta secreção mostra amilase de 20.000 U/ml. O melhor manejo clínico é:

A
Pancreatectomia distal.
B
Injeção de cola biológica via dreno abdominal.
C
Alimentação enteral via sonda nasoenteral posicionada após ângulo de Treitz.
D
Jejum, nutrição parenteral total e somatostatina.
E
Colangiopancreatografia endoscópica retrógrada com utilização de stent.
Criança com 2 anos de idade apresenta febre persistente, linfonodomegalia e hepatoesplenomegalia. Hemograma demonstra anemia, leucopenia e plaquetopenia. Aspirado de medula óssea afastou a hipótese de leucemia. Foi então pensado em síndrome hemofagocítica. Para esse diagnóstico, espera-se encontrar:
Assinale a alternativa que apresenta um medicamento que NÃO é utilizado para profilaxia da migrânea.
Quanto às lesões compressivas de nervos, é INCORRETO afirmar:
Paciente do sexo masculino, com 14 anos, apresenta palidez, anorexia e sonolência excessiva. Está crescendo muito rápido, segundo informação da mãe. O diagnóstico mais provável é:
Compartilhar