Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Um homem de 52 anos de idade recorreu ao pronto-socorro de um hospital geral, queixando-se de intensa dor epigástrica com irradiação para região dorsal e vômitos que tiveram início cerca de 10 horas após o almoço. A avaliação clínica mostrou frequência cardíaca de 112 bpm, pressão arterial de 110 mmHg x 75 mmHg. Os exames cardiovasculares e respiratórios não apresentam alterações. O exame do abdome mostrou ruídos hidroaéreos normais, moderada dor na região epigástrica, ausência de hepatoesplenomegalia, ausência dos sinais de Cullen de Blumberg de Jobert de Giordano e de Torres Homem. A avaliação laboratorial mostrou 16.500 leucocitos/mm³, hematócrito de 48% no hemograma, amilase sérica - 1.520 unidades por litro (U/L) - valores de referência: 20-125 U/L - lipase sérica = 2.800 U/L (valores de referência: 20-125 U/L), transaminase pirúvica = 180 U/L (valores de referência: 10-40 U/L), cálcio sérico, albumina, trigliceridios, eletrólitos, ureia e creatinina dentro da normalidade. O eletrocardiograma convencional mostrou apenas taquicardia sinusal. No quadro clínico descrito no texto, a ausência de peritonite pode ser clinicamente inferida, pois não está presente o sinal de:

A
Jobert.
B
Cullen.
C
Giordano.
D
Torres Homem.
E
Blumberg.
As seguintes manifestações são características de neuropatias periféricas, EXCETO:
Paciente de 78 anos deu entrada na emergência torporoso, depletado, cianótico e hipotérmico. Familiares relatam que estava internado em outro serviço para tratamento de “problemas da próstata”. Estava em uso irregular de captopril 50 mg 2x/d, metformina 850 mg 3x/d e doxazosina 1 mg/d. Ao exame: PA = 88/50 mmHg, FC = 124 bpm, FR = 38 mprm, T = 35,7°C, Glasgow = 10, SaO2 = 88% (O2 5 l/min.), sonda vesical com grumos, ausculta cardíaca e pulmonar normais, abdome pouco distendido, sem RHA, sem dor ou massas palpáveis e extremidades frias, cianóticas e com livedo reticular em membros inferiores. Qual a abordagem inicial mais apropriada nesse momento?
Em relação à prova de função pulmonar nas doenças intersticiais pulmonares, considere as seguintes afirmativas: 1. A maioria das apresentações produz defeito ventilatório restritivo. 2. Existe redução da capacidade pulmonar total. 3. A capacidade vital forçada (CVF) e o volume expiratório no 1º seg (VEF1) estão reduzidos. 4. A relação VEF1/CVF costuma estar normal ou aumentada. Assinale a alternativa correta.
Você é chamado para atender um recém-nascido na sala de parto. Trata-se de gestante com idade gestacional de 27 semanas, que não realizou pré-natal e que foi admitida em trabalho de parto em período expulsivo. Com relação à sequência correta de atendimento, após o recém-nascido ser recebido em ambiente aquecido, com campos estéreis aquecidos, e ser colocado sob fonte de calor radiante, os passos seguintes são:
Compartilhar