Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Um homem de 57 anos é levado ao pronto-socorro por uma unidade de resgate, com queixa de dor abdominal difusa há oito horas. Está em regular estado geral, tem frequência cardíaca de 120 batimentos por minuto, pressão arterial de 90×50 mmHg, frequência respiratória de 24 incursões por minuto e saturação de oxigênio de 92%, com cateter de O2 com 2 L/minuto. O abdome está tenso e com rigidez involuntária. A radiografia simples de abdome mostra presença de gás extraluminal. Antes que esse paciente seja encaminhado à sala de operação, é fundamental fazer:

A
monitorização hemodinâmica invasiva por meio de cateter de Swan-Ganz
B
acesso venoso e administração de 2 a 3 litros de cristaloide e antibióticos
C
intubação traqueal imediata
D
administração intravenosa de omeprazol
E
administração de drogas vasoativas
São efeitos benéficos não contraceptivos do uso de contraceptivos orais no climatério, EXCETO:
Paciente idoso com 72 anos de idade, durante avaliação neuropsicológica, atinge 21 pontos no mini-exame do estado mental (de Folstein). Este resultado:
Sobre as neoplasias malignas de tireoide, é INCORRETO afirmar:
Paciente com 35 anos, sexo masculino, profissão pedreiro, procedente de Curitiba deu entrada no Pronto Socorro, no mês de julho, com quadro de febre (38oC), dores musculares (abdome e panturrilha), icterícia, sangramento nasal, cefaleia que se iniciou há 3 dias. Além disso foi observado um rash cutâneo difuso, urina concentrada frequência respiratória de 28 movimentos respiratórios por minuto e frequência cardíaca de 100 bat/min. Frente a este caso, considerando a epidemiologia, qual o PRINCIPAL diagnóstico?
Compartilhar