Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Nefrologia

Um homem de 60 anos, portador de doença pulmonar obstrutiva crônica grave, está em avaliação pré-operatória para correção de hérnia epigástrica sintomática. Faz uso regular de broncodilatadores. Os exames pré-operatórios revelam: sódio sérico: 121 mEq/L; potássio sérico: 3,6 mEq/L; cloreto sérico: 94 mEq/L e HCO3: 24 mEq/L. Inicia-se o tratamento do distúrbio hidroeletrolítico com restrição hídrica, mas as anormalidades não são corrigidas de forma satisfatória. Próximo passo:

A
Corrigir a hérnia, mesmo assim.
B
Repetir os exames laboratoriais em 2 semanas.
C
avaliar a fração de excreção de sódio, potássio e ureia
D
Administrar solução de cloreto de sódio a 0,9%, por via endovenosa.
E
Dosar os níveis séricos de aldosterona.
A obstrução intestinal por cálculo biliar ocorre, mais frequentemente, no:
O tronco celíaco constitiu um importante ponto de referência na cirurgia abdominal. Fazem parte do tronco celíaco:
Mulher, 23 anos, vem pela manhã à Unidade de Saúde da Família para realizar o exame citopatológico de colo uterino. O médico observa que na sala de espera a paciente apresenta risos imotivados, tosse, letargia, conversa com todos os presentes, com fala lentificada, está comendo a segunda barra de chocolate. Durante a consulta, constata hiperemia conjuntival, taquicardia, xerostomia, midríase, temperatura de 35,4°C. Registros de prontuário anterior apontam um irmão esquizofrênico. Mantida para observação, apresentou franca normalização dos sinais vitais e comportamentais, bem como recuperação da crítica. Considerando síndromes correlatas ao uso de drogas como hipótese diagnóstica, o diagnóstico e conduta são:
Paciente do sexo masculino, 26 anos de idade, sem outras comorbidades, no pós-operatório tardio de cirurgia bariátrica, evolui com dor em mesogástrio tipo cólica, sem vômitos, com parada na eliminação de flatos e fezes. A conduta mais indicada deve ser:
Compartilhar