Questões na prática

Ortopedia

Ortopedia

Um homem de 65 anos chega para avaliação com dor no ombro direito de 7 meses de evolução, com piora recente.Ele refere ser nadador há vários anos na categoria senior, com treinamento regular relativamente intenso. Refere que o ombro direito tem doído na braçada estilo livre (crawl) já há 7 meses, mas que, há uma semana, sentiu uma forte dor no mesmo ombro ao pegar o neto no colo. Desde então, tem tido dificuldade de fazer a abdução do membro superior direito e até mesmo dormir sobre esse lado. Ao exame físico, apresenta dor na mobilização do membro superior direito, com dificuldade de manter a abdução do ombro no plano lateral a 30 graus. A manobra de Jobe é positiva à direita. Com relação a esse caso, é correto afirmar:

A
O tendão mais comumente afetado nessa condição é o do supra-espinhoso, e o menos comumente, o do subescapular.
B
Os exames mais úteis na avaliação desse paciente incluem a tomografia computadorizada e a ultrassonografia.
C
O diagnóstico desse paciente é capsulite adesiva (ou ombro congelado).
D
Uma bursite subacromial pode estar presente nesse caso.
E
Se houver calcificações nos tendões envolvidos, elas serão de pirofosfato de cálcio di-hidratado.
Assinale a doença que ocorre pelo mecanismo de transmissão indireta:
Considera-se tratamento INADEQUADO para a sífilis materna e o risco de sífilis congênita:
Em relação à infecção puerperal, pode-se afirmar que: I - útero amolecido e doloroso à palpação, febre e lóquios fétidos são sugestivos de endometrite. II - trabalho de parto prolongado, tempo de cesariana superior a 60 minutos e amniorrexe prematura são fatores predisponentes para endometrite puerperal. III - é considerada febre puerperal com aumento de risco da morbidade materna, temperatura axilar de 38°C ou mais, verificada em duas ocasiões distintas, 24 horas após o parto. Qual a alternativa correta?
Qual a limitação do método do Capurro para a determinação da idade gestacional do recém-nascido?
Compartilhar