Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Nefrologia

Um homem idoso, diabético tipo II há 6 anos, com claudicação intermitente, angina estável e hipertensão arterial, procura nefrologista devido a rápido agravamento de sua disfunção renal. Sua creatinina, até então estabilizada em 1,8 mg%, chegou a 6,2 mg% em 1 semana, dias após o desenvolvimento de complicação relacionada ao uso de anticoagulação oral (hematúria macroscópica com alargamento do TAP), corrigida com ministração de vitamina K. Ao exame físico constata-se PA: 160 x 95 mmHg; Tax: 37,2º C; FR 20 irpm; FC 84 bpm. Coração em ritmo irregular por fibrilação atrial, pulmões sem adventícios, sopro carotídeo à esquerda e cianose bilateral dos pododáctilos. Ureia 98 mg%; Hb 11,8 g%; 6800 leucócitos/ mm3 ; 12% de eosinófilos; US renal com leve aumento bilateral de ecogenicidade, sem dilatação pieloureteral; Proteinúria de 330 mg nas 24h; Fundoscopia A3H2. Indique a melhor hipótese diagnóstica.

A
Ateroembolismo de colesterol.
B
Nefropatia diabética.
C
Hipertensão arterial acelerada.
D
Poliarterite nodosa.
E
Uropatia obstrutiva por coágulo.
Uma paciente de 35 anos, com doença renal crônica de etiologia desconhecida, vinha em terapia dialítica há um ano. Em consulta de rotina, foi identificada fibrilação atrial, iniciando-se o uso de bisoprolol e warfarina. Três semanas depois, em nova consulta, relatou alguns episódios de hematúria macroscópica e verificou-se o aparecimento de livedo reticularis nos membros inferiores. Estes achados levaram o nefrologista a pensar na hipótese mais provável de:
Homem, 30 anos, é extricado após 2 horas de grave acidente automobilístico. Apresenta sinais vitais estáveis, fraturas de costelas e movimento paradoxal à direita. Radiograma de tórax mostra grande contusão pulmonar, sem envolvimento pleural. A saturação de oxigênio é de 88%. Qual é o tratamento correto para este caso, logo após aplicação do ATLS?
T.S.J., 38 anos, trabalhando há 9 anos em indústria metalúrgica como supervisor de controle de qualidade, apresenta em consulta com otorrinolaringologista queixa de zumbido e dificuldade auditiva há 20 anos em orelha esquerda, com agravamento dos sintomas há 8 meses. Considerando o audiograma abaixo, assinale a alternativa CORRETA: (VER IMAGEM)
Paciente de 80 anos, com arterioesclerose generalizada, interna com quadro de insuficiência renal aguda (IRA), 4 dias após realização de aortografia. Ao exame físico, notava-se livedo reticularis em membros inferiores, dedos dos pés azulados, hipocomplementenemia e eosinofilúria. O diagnóstico mais provável é:
Compartilhar