Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Um menino com 1 mês de vida, raça negra, morador de área urbana, é levado pelos pais à Unidade Básica de Saúde para atendimento de rotina e vacinação. Não é oferecido nenhum medicamento à criança, que recebe aleitamento materno exclusivo. O médico avalia a criança, que tem exame físico normal, com ganho de 40 g/dia desde o nascimento. Pergunta se oferecem vitamina D ao filho e a mãe diz que não considera necessário, já que oferece exclusivamente o seio. O médico deverá conversar com os pais e propor uma conduta. Considera-se CORRETO que o médico:

A
admita que a suplementação pode ser dispensada, enquanto a criança estiver em aleitamento materno exclusivo.
B
esclareça que morar em área urbana e ser de raça negra são considerados fatores de risco para raquitismo e que a oferta de vitamina D é segura e evita o aparecimento dessa doença.
C
admita que a suplementação é facultativa, desde que programem a coleta de cálcio e fósforo no sexto mês de vida da criança.
D
concorde com a mãe acerca do real efeito protetor do leite materno, mas aponte que a conduta, por ser universal, não pode ser individualizada, independentemente de não haver risco, como neste caso.
E
solicite radiografia de ossos longos.
Paciente acabou de completar 50 anos de idade sem historia familiar de doença neoplásica da próstata. Qual seria a sua atitude para a saúde prostática?
O tumor cervical que apresenta a característica sintomatológica de doer quando o paciente coloca substâncias ácidas na boca, sugere estarem associados dois elementos de um dos itens abaixo, assinale-o:
A hérnia de Littré é a presença do:
Sobre os divertículos faringoesofágicos, assinale verdadeiro (V) ou falso (F): [ ] Divertículo fariongoesofágico é também conhecido como divertículo de Meckel; [ ] Setenta a 80% dos divertículos faringoesofágicos ocorrem em pacientes com mais de 60 anos de idade e, a sua ocorrência em crianças é extremamente rara; [ ] A intensidade das manifestações clínicas no divertículo faringoesofágico independe do tamanho do divertículo e do grau de disfunção do músculo cricofaríngeo e geralmente piora com o tempo; [ ] A esofagoscopia pode ser realizada e não há risco por se tratar de um procedimento rápido e seguro; [ ] Halitose é uma das manifestação do quadro clínico de divertículo faringoesofágico.
Compartilhar