Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Um menino de nove anos apresenta baixa estatura, pregas em epicantos oculares, fissuras palpebrais desviadas para baixo, ptose palpebral bilateral, ponte nasal achatada, pescoço curto, baixa implantação posterior dos cabelos, tórax em escudo, um sopro cardíaco sistólico em foco pulmonar e pênis pequeno. Foi submetido à cirurgia para criptorquidia bilateral com um ano de idade. É fisicamente muito parecido com seu pai, que também é baixo e tem o diagnóstico de estenose da válvula pulmonar. A criança tem como principal hipótese diagnóstica:

A
síndrome de Turner.
B
síndrome de Noonan.
C
pan-hipopituitarismo.
D
baixa estatura familiar.
Crises epiléticas ou convulsões são comuns na faixa etária pediátrica e podem ocorrer em aproximadamente 10% das crianças. Quanto à convulsão na infância, é correto afirmar que:
Em 26 de novembro de 2008, próximo ao Dia Mundial de Luta contra a AIDS (1° de dezembro), um periódico de grande circulação divulga os seguintes dados do Ministério da Saúde, relacionados à epidemia em nosso país:permanece a tendência de estabilização de casos novos; a expectativa de vida mediana, após o diagnóstico, é de 9 anos; entre 13 e 19 anos, há 16 meninas com AIDS para cada 10 meninos; cresce o número de casos entre heterossexuais com mais de 50 anos.“No entanto, o aumento da sobrevida pode esconder a realidade de mortes precoces, geralmente por diagnóstico tardio”, diz a coordenadora do Programa Nacional de DST e AIDS do Ministério da Saúde, Mariângela Simão. Com relação à prevenção da transmissão vertical, identifica-se redução de 25% para menos de 1% com uma associação de medidas que incluem, dentre as relacionadas a seguir:
É contraindicação relativa para o lavado peritoneal diagnóstico:
Em relação à litíase biliar, qual alternativa não está relacionada à formação de colelitíase?
Compartilhar