Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Um paciente de 35 anos procura o pronto-socorro com queixa de dor epigástrica intensa, distensão abdominal e vômitos. Está febril (temperatura axilar = 38 °C), taquicárdico (frequência cardíaca = 105 batimentos por minuto) e taquipneico (frequência respiratória = 24 incursões por minuto). O abdome está distendido e sem sinais de irritação peritoneal. Amilase: 1790 U/L. APACHE II: 25. Além das medidas habituais de reanimação, no terceiro dia de evolução é feita tomografia computadorizada de abdome que mostra necrose de 35% do parênquima pancreático. Melhor abordagem terapêutica neste momento, além de continuar com o suporte clínico intensivo:

A
nutrição parenteral total, antibioticoterapia de amplo espectro e punção da necrose, guiada por tomografia
B
passagem de sonda nasoenteral em posição pós-Treitz, sob visão endoscópica, para nutrição enteral
C
nutrição parenteral total e colangiopancreatografia retrógrada endoscópica
D
passagem de sonda nasoenteral em posição pós-Treitz, sob visão endoscópica, para nutrição enteral, antibioticoterapia de amplo espectro e necrosectomia pancreática
E
nutrição parenteral total, antibioticoterapia de amplo espectro e necrosectomia pancreática
Doenças que envolvem a pelura direta ou indiretamente em acumulo de liquido pleural. Uma vez diagnosticado o derrame pleural (DP), deve-se tentar definir a sua etiologia. A aparência do DP pode ser útil para guiar possíveis diagnósticos. Segundo os critérios de Light, um dos critérios abaixo já indica um exsudato, exceto:
Qual a causa de úlcera genital endurecida, indolor, sem linfadenopatia inguinal?
Uma paciente de 40 anos, antecedente de uso de anticoncepcional oral, vem ao hospital com dor no hipocôndrio direito (HD). Uma TC de abdome revela um adenoma hepático de 5 cm no lobo D. O tratamento definitivo para essa lesão é:
Em relação à triagem metabólica neonatal preconizada pelo Ministério da Saúde, são apresentadas as assertivas a seguir: I. Todo RN deve ser rastreado para fenilcetonúria, hipotireoidismo e hemoglobinopatia. II. Como rotina, devem ser solicitados testes de triagem para fibrose cística, galactosemia e tirosinemia. III. A coleta de sangue para os testes deve ser feita a partir do primeiro dia de vida, até no máximo 3 meses de vida. Qual é a alternativa correta?
Compartilhar