Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Um paciente masculino de 61 anos foi submetido à colonoscopia por história familiar de câncer de cólon. O exame evidenciou diverticulose. Preocupado com sua saúde, o paciente quer saber sobre complicações futuras desse achado. Qual a probabilidade desse paciente assintomático desenvolver diverticulite?

A
= 5 %
B
10 % a 25%
C
40% a 50%
D
60% a 70%
E
= 80%
Dos fios cirúrgicos absorvíveis, o que apresenta o maior tempo de força tênsil e de absorção é:
Um enfermo com hipertensão arterial pulmonar primária, classe funcional II da NYHA, apresenta mínima redução daquela pressão após prova terapêutica aguda com adenosina endovenosa. Considerando os dados fornecidos a melhor opção terapêutica seria:
Paciente, 31 anos de idade, G3P2A0, com o tempo de amenorreia de 25 semanas queixava-se de dor lombar há 3 dias, associada com polaciúria. Relatou também calafrios, náuseas e vômitos há 12 horas. Trouxe ultrassom de primeiro trimestre com a idade gestacional. Ao exame: temperatura axilar 39,1ºC, atividade uterina não perceptível; BCF = 136 bpm: colo fechado, grosso posterior. A hipótese diagnóstica e a conduta são:
Você recebeu um lactente de 6 meses com história de estridor desde os primeiros dias de vida. Na anamnese, você registra que o ruído surgiu nos primeiros dias de vida e que vem se agravando a cada dia, não ocorrendo variações com as mudanças de decúbito. O lactente já foi atendido em emergência duas vezes, pois apresentou cianose e sufocação durante as alimentações. A mãe não observou choro rouco. Nos antecedentes, o parto foi cesáreo, a termo, sem intercorrências, Apgar 9/10. Nas suas considerações diagnósticas, em primeiro lugar, você incluiria:
Compartilhar