Questões na prática

Pediatria

Preventiva

Neonatologia

Um recém-nascido no quinto minuto de vida foi avaliado clinicamente com cianose de extremidades, frequência cardíaca de 130 bpm, espirros ao ser aspirado pelas narinas, choro débil e discreta flexão de extremidades. De acordo com o boletim de APGAR, que nota esse recém-nascido deverá receber no quinto minuto de vida?

A
6.
B
7.
C
8.
D
9.
Mulher de 55 anos de idade, tabagista, sem outras comorbidades, foi submetida à exame de ultrassonografia de rotina a pedido de seu ginecologista. O resultado do exame mostrou que a parte ginecológica estava normal, porém, foi encontrada dilatação aneurismática fusiforme da aorta abdominal de 6,2 cm abaixo das artérias renais e acima das artérias ilíacas. A paciente, que nega qualquer sintomatologia abdominal recente, foi encaminhada para avaliação com cirurgião vascular. Qual a conduta correta diante desse achado?
Em relação à reanimação neonatal na sala de parto, identifique as afirmativas abaixo como verdadeiras (V) ou falsas (F). ( ) Na ausência de líquido amniótico meconial, um recém-nascido com 35 semanas de idade gestacional, que apresente ao nascimento choro forte e bom tônus muscular, não necessita ser submetido aos passos iniciais da reanimação neonatal, bastando manter suas vias aéreas pérvias e prover calor, colocando-o sobre o tórax e/ou abdome materno. ( ) Diante da presença de líquido amniótico meconial fluido ou espesso, recomenda-se que o obstetra aspire boca, faringe e narinas, com sonda de aspiração traqueal nº 8 ou nº 10, assim que haja o desprendimento do polo cefálico. ( ) Para a ventilação com pressão positiva, pode-se utilizar um balão autoinflável, um respirador manual ou um balão anestésico, tendo como interfaces a máscara ou a cânula traqueal e, eventualmente, a máscara laríngea. ( ) A intubação traqueal é indicada se houver necessidade de realizar massagem cardíaca e/ou de administração de adrenalina. ( ) Caso não haja resposta à administração traqueal de adrenalina, ou diante da necessidade de utilizar expansores de volume, bicarbonato ou naloxona, a via preferencial para administração de medicações na sala de parto é a veia umbilical. Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta, de cima para baixo.
Paciente de 23 anos, do sexo feminino apresenta quadro de dor na região sacrococcígea, de inicio súbito, com abaulamento local e drenagem de secreção purulenta por orifícios presentes na linha interglútea. Após exame físico, o diagnóstico foi de cisto pilonidal infectado. Esta doença:
Em uma criança de 6 anos, um teste PPD (reação de Mantoux) com induração > 15 mm indica:
Compartilhar