Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Um residente (R3) de ginecologia atende uma mulher em idade reprodutiva. A paciente se queixa de “dor à evacuação” e demonstra muita preocupação, pois observou sangue nas fezes. A seguir realizou uma colonoscopia com resultado normal. Referia também ciclos menstruais irregulares. Após solicitar alguns exames complementares, o residente esclareceu a paciente de que se tratava de uma endometriose do tipo:

A
Endometriose Peritoneal.
B
Endometriose Septo Reto-Vaginal.
C
Endometriose Vesical.
D
Endometriose Ovariana.
E
Endometrioma do Ovário
Considere três mulheres que se apresentam com as seguintes lesões em órgãos genitais externos: I. Exulcerações dolorosas, algumas com aspecto bolhoso ou vesicular coalescente. A base é hiperemiada. Presença de linfadenomegalia inguinal dolorosa. II. Lesão única ulcerada de bordas salientes e endurecidas. A base é avermelhada, não-purulenta e indolor. Presença de linfadenomegalia inguinal dolorosa. III. Lesões múltiplas exulceradas, dolorosas, com contornos elevados e base com exsudato purulento de odor fétido. Os agentes etiológicos mais prováveis dos casos I, II e III são, respectivamente:
Para o diagnóstico de anemia ferropriva em paciente com insuficiência renal crônica, os exames mais apropriados são:
Sobre hepatocarcinoma, é CORRETO afirmar:
Paciente submetida à colecistectomia, com perfuração da vesícula biliar, no ato operatório, com vazamento de bile para cavidade. A paciente evoluiu, no pós-operatório, com dor em região de HD irradiada para região subescapular ipsilateral. Trata-se de:
Compartilhar