Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Um senhor bronquítico crônico apresentou uma infecção pulmonar e piora das funções respiratórias. Necessitou ser encaminhado à unidade de tratamento intensivo, pois apresentava taquipnéia, cianose e muita secreção. Na unidade foi intubado e colocado sob prótese ventilatória. Após 30 minutos de ventilação mecânica foi colhida uma gasometria que mostrou os seguintes dados: pH: 7,20 - pCO2: 52mmHg - pO2: 76mmHg - HCO3-: 23 Quais medidas seriam mais corretas?

A
Bicarbonato de sódio 8,4% 50mL, para melhorar o pH.
B
Aumento da frequência do respirador e do volume corrente para diminuir a pCO2.
C
Aumento da fração inspirada de oxigênio (FiO2) e pressão positiva expiratória final (PEEP), até obter pO2 de, ao menos, 90mmHg.
D
Conduta expectante e nova gasometria após 60 minutos.
E
Indicaria traqueostomia para diminuir as secreções e melhorar a gasometria.
Uma paciente de 28 anos chega ao pronto-socorro com queixa de dor na fossa ilíaca direita há 24 horas. O quadro iniciou com um episódio de desconforto no epigástrio, vômito e hiporexia. Ao exame, você observa sinal de Blumberg no ponto de Mc Burney, sinal de Rovsing positivo, ruídos hidroaéreos presentes, mas diminuídos. A temperatura é de 37,8ºC. Ela negava queixas urinárias ou ginecológicas. A última menstruação foi há 20 dias, normal. Diante desse quadro, você supõe que se trata de uma apendicite aguda e indica uma cirurgia que faz por meio de uma incisão obliqua na fossa ilíaca direita (incisão de Mc Burney). Encontra um apêndice na posição mesoileal com plastrão apendicular e abscesso periapendicular bloqueado. Assinale qual das seguintes alternativas apresenta a complicação mais esperada no pós-operatório. (MEDEIROS, E. A. S., et al. Prevenção da infecção hospitalar. Projeto diretrizes: Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina e Sociedade Brasileira de Infectologia. Disponível em: <www.projetodiretrizes.org.br/projeto_diretrizes/065.pdf>. ago. 2001)
O HSV tipo 2 e o vírus varicela-zoster são herpes vírus humanos. Ambos podem causar infecções congênitas, especialmente quando a gestante tem a infecção primária durante o primeiro trimestre. Os estigmas podem ser muito semelhantes, de modo que o diagnóstico pode ser ocasionalmente difícil. Dado o exposto, qual dos estigmas é fortemente associado somente à varicela congênita?
As manobras de Yergason é um Phalen são semiologicamente úteis para o diagnóstico, respectivamente, de:
Criança, 10 meses de idade, apresenta diarreia há dois meses (6 evacuações ao dia com fezes pastosas e líquidas, de grande volume, cheiro azedo, sem muco ou sangue). Teve alguns episódios de vômito nos primeiros dias. A orientação foi fazer hidratação oral. A partir de então, não apresentou mais vômitos, mas a diarreia persistiu com as mesmas características, acompanhada de perda de peso, distensão leve do abdome e assadura perianal, sem febre. Recebeu leite materno até o 6° mês de vida, quando iniciou com leite de vaca, em pó, e aos 7-8 meses: papas de fruta, legumes, carnes, ovos, bolachas e macarrão. Qual o diagnóstico provável dessa síndrome diarreica?
Compartilhar