Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Um senhor bronquítico crônico apresentou uma infecção pulmonar e piora das funções respiratórias. Necessitou ser encaminhado à unidade de tratamento intensivo, pois apresentava taquipnéia, cianose e muita secreção. Na unidade foi intubado e colocado sob prótese ventilatória. Após 30 minutos de ventilação mecânica foi colhida uma gasometria que mostrou os seguintes dados: pH: 7,20 - pCO2: 52mmHg - pO2: 76mmHg - HCO3-: 23 Quais medidas seriam mais corretas?

A
Bicarbonato de sódio 8,4% 50mL, para melhorar o pH.
B
Aumento da frequência do respirador e do volume corrente para diminuir a pCO2.
C
Aumento da fração inspirada de oxigênio (FiO2) e pressão positiva expiratória final (PEEP), até obter pO2 de, ao menos, 90mmHg.
D
Conduta expectante e nova gasometria após 60 minutos.
E
Indicaria traqueostomia para diminuir as secreções e melhorar a gasometria.
Criança de três anos, não vacinada, apresenta febre há quatro dias e erupção maculopapular há um dia. Feito diagnóstico de sarampo. A conduta para seu irmão de quatro meses de idade, que mora na mesma casa, é:
Assinale a alternativa correta em relação ao perímetro cefálico (PC).
A tuberculose ainda é uma doença muito prevalente em nosso meio. Em relação a sua prevenção, podemos afirmar que:
Mulher de 20 anos com história de amenorreia de 7 semanas, bHCG 400 m UI na 5ª semana, deu entrada na maternidade do HUGG com quadro de perda sanguinea vaginal de pequena monta associada a dor em baixo ventre. Foi solicitado ultrassom transvaginal que mostrou endométrio espesso com cerca de 12 mm associado a presença de material amorfo em anexo direito com cerca de 20 mm apresentando intenso fluxo sanguineo ao Doppler. Na internação o bHCG sanguineo foi 300 m UI. Seu diagnóstico provável e conduta mais apropriada:
Compartilhar