Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Uma criança apresenta exantema eritematoso puntiforme, palidez perioral e linhas nas dobras de flexão, com posterior descamação extensa. Esses achados são característicos do diagnóstico de:

A
Eritema infeccioso;
B
Meningococcemia;
C
Escarlatina;
D
Sarampo;
E
Síndrome de Kawasaki.
Os fundamentos da boa prática clínica continuam sendo a anamnese e o exame físico, indispensáveis para o raciocínio clínico acurado e a propedêutica correta. Em relação à Semiologia Cardíaca na Criança, julgue os seguintes itens.1) Déficit de crescimento ponderoestatural pode ser um dos achados em crianças com cardiopatia congênita. 2) As unhas em vidro de relógio e o baqueteamento digital são encontrados nas cardiopatias congênitas cianóticas desde o período neonatal. 3) A posição de cócoras na Tetralogia de Fallot não é frequente, pois piora o retorno venoso e, consequentemente, também a crise de hipoxemia. 4) A fácie de Down mostra a necessidade de avaliação cardiológica detalhada, devido à grande incidência de cardiopatia nos pacientes dessa Síndrome. 5) A importância da palpação dos pulsos femorais desde o nascimento, bem como a observância da assimetria ou ausência de pulsos em membros inferiores, são devidas ao fato de que tais anormalidades podem indicar coarctação de aorta ou arterites. 6) O manguito pequeno para o paciente pode tornar a aferição de sua pressão arterial falsamente aumentada. 7) A ausculta de ritmo irregular na criança, com aumento da frequência cardíaca à inspiração e diminuição à expiração caracteriza a arritmia respiratória. 8) Se a taquicardia estiver presente na vigência de febre, deve ser reavaliada após a normalização da temperatura. 9) O melhor local para se observar a cianose central é a língua. 10) A cianose periférica pode estar presente devido ao frio.
Você é médico e está atendendo uma criança cardiopata, vítima de um colapso súbito em um parque de diversões. Ela está arresponsiva, sem pulso palpável e sem respiração espontânea no momento. Qual das seguintes ações deverá ser realizada primeiramente?
Homem de 25 anos é submetido à orquiectomia radical para tratamento de um tumor de testículo não seminomatoso misto, sem invasão vascular. No pós-operatório, o exame físico é normal e a tomografia de controle não evidencia lesões aparentes no tórax, abdome ou região pélvica. Porém, o marcador sérico Beta-hCG permanece persistentemente elevado um mês após a cirurgia. A melhor conduta consiste em
Mulher, 58 anos de idade, portadora de fibrilação atrial diagnosticada há dois anos, iniciou há 8 horas com dor, frialdade e cianose fixa de pé esquerdo. Negava história prévia de claudicação intermitente em membros inferiores (MMIIs). Ao exame clínico não apresentava os pulsos distais palpáveis no MIE e o exame do MID encontrava-se normal, com todos os pulsos palpáveis. INR = 1,8. Qual a conduta imediata mais apropriada para este caso?
Compartilhar