Questões na prática

Clínica Médica

Preventiva

Pneumologia

Uma das associações mais claras em epidemiologia é a relação causal entre tabagismo e câncer de pulmão - o risco relativo de desenvolvimento de câncer de pulmão em um tabagista é de 20 vezes maior. A estimativa de incidência para o ano de 2008 de neoplasias de traqueia, brônquios e pulmão, no Brasil, é de 17.810 homens, a uma taxa bruta de 18,86 a cada 100.000, e 9460 mulheres, a uma taxa bruta de 9,72/100.000. É a segunda neoplasia mais comum em homens e a quarta em mulheres. Com base nesses dados, pode-se afirmar que:

A
de cada 100 pessoas que fumam, 20 desenvolverão câncer de pulmão
B
os dados referem-se ao número total de pessoas com câncer de pulmão no ano de 2008, no país, e a medida do coeficiente avalia o risco de adoecer de câncer, por sexo
C
esses dados justificam o controle do tabagismo como uma política pública, por seu impacto na morbidade, na mortalidade e no custo da assistência
D
de cada 100 pessoas que fumam, 50 desenvolverão câncer de pulmão
E
esses dados não suficientes para justificar o controle do tabagismo como uma política pública
Pré-escolar, 5 anos, chega ao pronto-socorro com história de febre e diarreia há 48 horas. Ao exame físico apresenta-se irritado, olhos fundos e com enchimento capilar lentificado (4 segundos). Segundo o Manual de Assistência e Controle das Doenças Diarreicas (Ministério da Saúde/Brasil), a conduta adequada neste caso é:
São indicações definitivas de intubação traqueal todos os recém-nascidos abaixo, EXCETO:
O câncer do colo do útero:
Em relação ao câncer inicial de mama, assinale a assertiva correta:
Compartilhar