Questões na prática

Pediatria

Neonatologia

Uma gestante em trabalho de parto, com dilatação de 6 cm é submetida a cesárea, pois observa-se taquicardia fetal e líquido amniótico tinto por mecônio. Recém-nascido (RN) com tônus normal, chorando, frequência cardíaca de 142 bpm, mas com cianose de extremidades e pele tinta pelo mecônio. O pediatra em sala de parto deve:

A
visualizar a traqueia com laringoscópio e aspiração apenas se houver mecônio em região de hipofaringe, dando continuidade à reanimação habitual.
B
proceder às manobras habituais de reanimação, sem indicação de visualização de traqueia, mas com indicação de aspiração de conteúdo gástrico.
C
proceder à visualização com laringoscópio e à aspiração imediata de traquéia, uma vez que a ausência de mecônio na oro ou na hipofaringe não excluem a sua presença em traqueia.
D
intubar e aspirar traqueia através do conector com abertura lateral, para oxigenação imediata após a aspiração, uma vez que havia sofrimento fetal.
E
oferecer oxigênio em máscara aberta pela presença da cianose de extremidades e visualizar a traqueia apenas se houver piora dos movimentos respiratórios ou da frequência cardíaca nos próximos 30 segundos.
O clínico geral solicitou para um arquiteto de 40 anos de idade, com queixa de cefaleia intermitente, um exame de ressonância magnética que mostrou um cisto coloide no terceiro ventrículo. A complicação mais comum dessa lesão é:
Uma menina de 1 ano de idade chega ao pronto-socorro, com história de febre, atingindo temperatura máxima de 38,2ºC, há 2 dias. Ao exame físico, apresenta-se em bom estado geral, descorada +, eupneica, acianótica, com boa perfusão periférica. FC de 120/min e FR de 34/min. Não apresenta sinais meníngeos, os pulmões estão livres. Na orofaringe, é observado hipertrofia de amígdalas, com presença de exsudado branco e gânglios cervicais posteriores moderadamente aumentados. A conduta mais adequada é:
Dos exames abaixo qual não tem necessidade de ser solicitado no pré-natal por falta de estratégia:
Em relação à IRA (insuficiência renal aguda), assinale a alternativa INCORRETA.
Compartilhar